Publicidade
Seg 20 Mar 2017

Feriados prolongados devem injetar R$ 21 bilhões na economia brasileira, projeta Abav

O calendário de 2017 tem animado o setor do turismo. O entusiasmo está ligado ao alto número de feriados prolongados que o ano anuncia e, numa projeção otimista, a Abav (Associação Brasileira das Agências de Viagem) projeta relevante impacto do setor na economia do País. De acordo com a associação, a atividade turística deve injetar R$ 21 bilhões no balanço econômico da nação durante toda a temporada.

A estimativa é que a demanda por viagens de lazer cresça entre 8% e 14%. 

A expectativa da Abav está apoiada nas negociações que as agências associadas mediam e num recente estudo do MTur (Ministério do Turismo) que verifica a vontade de realizar viagens que o brasileiro tem. 

Em 2017, os feriados nacionais caem nos seguintes dias: Paixão de Cristo (14 de abril – sexta-feira); Tiradentes (21 de abril – sexta-feira); Dia do Trabalho (1º de maio – segunda-feira); Corpus Christi (15 de junho – quinta-feira); Independência do Brasil (7 de setembro – quinta-feira); Dia de Nossa Senhora Aparecida (12 de outubro – quinta-feira); Finados (2 de novembro – quinta-feira); Proclamação da República (15 de novembro – quarta-feira); e Natal (25 de dezembro – segunda-feira). 

De acordo com o estudo do MTur, o feriado que deve gerar o maior impacto é o Dia de Nossa Senhora Aparecida, quando 1,94 milhão de viagens movimentarão R$ 3,9 bilhões na economia.
Serviço
abav.com.br

* Foto de capa: arquivo HN
 

Notícias Relacionadas

Comentários

Contato

Telefone : (11) 3253-9762

Celular/Claro : (11) 976-527-506

Celular/Claro : (11) 976-536-848

redacao@hoteliernews.com.br

Rede Sociais
Newsletter