Mabu Curitiba Business (PR): Representante da tradicional hotelaria feita pela rede paranaense


Na entrada
(fotos: Filip Calixto)

Remanescente do tradicional estilo Mabu de fazer hotelaria, o Mabu Curitiba Business - que era Mabu Royal & Premium Hotel até a reformulação de bandeiras da rede - segue sendo uma oferta de relevância no cenário hoteleiro da capital paranaense e, mesmo com as recentes e constantes reformas, mantém a atmosfera de meio de hospedagem clássico com mobiliários e decoração evocando a tradição hoteleira.

A tradicionalidade não para na decoração e também pode ser reparada no atendimento prestativo e na entrada do empreendimento, que é um recuo na calçada, sem marquise ou grandes letreiros luminosos e chamativos mas com uma escada com um espelho d'água ao lado.

Tido como um midscale dentro da rede, o empreendimento curitibano é gerenciado por um português que descobriu no Brasil uma nova casa e um jeito diferente de fazer hotelaria. Miguel Pinto está à frente da unidade há dois anos, e trouxe parte de seu aprendizado na escola europeia para mesclar com as particularidades da hospedagem nacional. 

Prezando pelo aspecto conservado em seus ambientes, a unidade está frequentemente reformando algumas áreas. As mais recentes foram as mudanças em áreas comuns, mas a mais significativa veio sendo realizada desde o ano passado e alcançou 99 apartamentos, todos localizados em uma das duas alas de quartos que a unidade tem. 

Representante das marcas mais conhecidas e tradicionais dentro de uma rede que passa a apostar no segmento econômico com as novas aberturas, o Mabu Curitiba Business abriu as portas para que a reportagem pudesse conhecer suas dependências e mostrou uma maneira atenciosa e eficiente de realizar a tarefa hospedagem.

Por Filip Calixto*

Estrutura
Hotel especializado no atendimento ao público corporativo, o Mabu Curitiba Business tem estrutura enxuta, mas conta com facilidades fundamentais para um empreendimento que figura entre os principais da rede. 

Empreendimento de duas torres - que dividem as alas de apartamentos -, o hotel em questão tem na área de Alimentos e Bebidas e no setor de eventos duas importantes fontes de renda e faturamento. Na parte de eventos, a maior sala tem espaço para receber até 280 pessoas, mas ainda existem outros dez espaços de proporções menores mas igualmente bem equipadas.

A unidade ainda conta com piscina, área de jogos e academia, tudo instalado no último andar do prédio, business center e um bar para hóspedes e público passante.



Acomodações
Hotel de 148 apartamentos, o Mabu tem quartos das seguintes classificações: Premium - solteiro e casal -, Royal Twin e Royal Casal. Todes eles têm tamanhos que variam entre 21 m² e 30 m². 

Completam o inventário de habitações as suítes temáticas: árabe, havaiana, indiana e japonesa, todas com dimensões maiores que os quartos normais.

Alvo da mais recente e profunda reforma do hotel, 99 dos 148 apartamentos estão totalmente revitalizados, numa modificação que construiu banheiros novos e trocou decoração e equipamentos.



Alimentos e Bebidas
Área cuidadosamente tratada pela administração geral, o setor de Alimentos e Bebidas tem no restaurante Dumont sua principal força. Nele são servidas todas as refeições do empreendimento, que recebe hóspedes e público passante. Na maioria das ocasiões, as refeições são servidas em sistema bufê. Todavia, algumas vezes a modalidade à la carte é utilizada.

Como base de apoio, o Villa Lobos Piano Bar também recebe clientes para refeições, sobretudo quando a ocupação do hotel não é muito elevada.



Serviço
www.hoteismabu.com.br

Comentários