Publicidade
Ter 24 Out 2017

Prefeitura de Salvador anuncia construção de novo Centro de Convenções; Trade comemora

O anúncio de construção do novo Centro de Convenções de Salvador, feita ontem (23), pelo prefeito da cidade, ACM Neto, reacendeu a esperança do trade turístico da capital baiana. Com perspectiva de começar a funcionar já a partir de janeiro de 2019, o novo equipamento deve trazer fôlego para o turismo. “Agora temos um horizonte pela frente, de esperança pela sustentabilidade das nossas empresas”, afirma Glicério Lemos, presidente da ABIH-BA (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis da Bahia), destacando que 95% da hotelaria da cidade atravessa sua pior crise, situação acentuada desde que o Centro de Convenções da Bahia, mantido pelo governo do Estado, fechou definitivamente as portas, em 2015.

O mesmo entusiasmo é compartilhado por Paulo Gaudenzi, presidente da Salvador Destination, entidade que trabalha na atração de eventos para a capital baiana. “A notícia trouxe enorme tranquilidade para o trade, principalmente porque a prefeitura pretende lançar de uma única vez o edital da obra e do arrendamento do novo centro de convenções. Isso significa que haverá um trabalho em conjunto com a arrendatária para termos grandes eventos em Salvador já a partir do segundo semestre de 2019”, frisa o executivo. “Pela primeira vez na história, a prefeitura toma o protagonismo em relação ao turismo, ao perceber a importância desse setor para a economia da cidade”, pontua Gaudenzi.

Segundo dados da Federação Baiana de Hospedagem e Alimentação (FeBHA), turismo e serviços afins representam 20% do PIB de Salvador.  

“Temos que parabenizar que um dos nossos governantes teve a sensibilidade de ouvir as necessidades do trade e perceber o enorme prejuízo que a falta de um centro de convenções traz à cidade”, assinala o presidente do CBTurs (Conselho Baiano de Turismo), Roberto Duran, informando que congressos, convenções e eventos representam 70% do mercado de turismo de Salvador. Sobre a possibilidade da  capital baiana ter dois centros de convenções, caso o governo do Estado finalmente decida construir o seu, Duran é enfático. “Neste momento, Salvador não precisa de dois equipamentos. Dentro de quatro a cinco anos, quando o turismo de eventos estiver consolidado, a cidade pode comportar, sim, mais um Centro de Convenções”.

Onde será? O futuro Centro de Convenções será construído onde funcionanava o antigo Aeroclube, na orla da Boca do Rio. Irá ocupar uma área total de mais de 100 mil metros quadrados, com capacidade para receber 14 mil pessoas em congressos e convenções. A área total construída será de 78 mil metros quadrados.

O equipamento terá ainda dois espaços para shows - um na área interna e outro na externa - com capacidade total para 40 mil pessoas.

O novo Centro de Convenções contará ainda com oito auditórios de 1 mil metros quadrados, 16 salões de 400 metros quadrados e 30 salas de reuniões. Já o estacionamento terá capacidade para mais de 1 mil veículos.

* Crédito da foto na capa: Arquivo HN/Peter Kutuchian

Notícias Relacionadas

Comentários

Contato

Telefone : (11) 3253-9762

Celular/Claro : (11) 976-527-506

Celular/Claro : (11) 976-536-848

redacao@hoteliernews.com.br

Rede Sociais
Newsletter