Sabores da Argentina - Hotéis estão prontos para o evento

 
Making Of
2ª parte - Os preparativos dos hotéis 

Depois da viagem a Mendoza, na Argentina, o Hôtelier News foi descobrir quais são as expectativas e como andam os preparativos para o festival gastronômico Sabores da Argentina que acontece de 22 a 29 de março, em oito hotéis de São Paulo, um em Salvador e seis na Cidade Maravilhosa.

* Por Ana Lucia Silva e Rhaiane Sodré

Salão do restaurante Trebbiano, do L'Hotel Porto Bay
(fotos: Ana Lucia Silva)
 
O L'Hotel Porto Bay está definindo os últimos detalhes de seu cardápio que contará com pratos principais com toque argentino, mas sem ser necessariamente típicos. Entre as opções estarão Bolo de carne, empanadas e Salada de frango empanado com páprica e quinoa. Para completar, não poderia faltar alfajores para a sobremesa. Segundo o chef Patrick Bolle, o menu estará cheio de elementos argentinos, mas dentro do padrão L'Hotel.
 
Chef Patrick Bolle
 
"A expectativa é ótima, principalmente porque a ocupação de março é uma das melhores. O hotel estará cheio e vamos trabalhar com a divulgação interna através de flyers, displays e, principalmente, por meio da recomendação de nossos colaboradores", explica Jorge Castelo, gerente operacional. Além disso, o hotel ainda vai informar os passantes que frequentam o restaurante na hora do almoço. A estimativa é de servir 40 couverts por dia.
 
O L'Hotel vai trabalhar com quatro rótulos argentinos e vai oferecer as opções de taça e garrafa.
 
 
 O detalhe do Trebbiano, do L'Hotel Porto Bay
 
Tarsila traz diferencial no festival
Amanda Cunha, coordenadora executiva de Alimentos e Bebidas do InterContinental, destaca que foi criado um cardápio especialmente para o evento. "O Tarsila tem tradição em festivais e público para isso. Cada prato tem a sua própria harmonização, e é bem viável já que através da consignação dos vinhos temos um risco controlado", diz.
 
Entrada do Tarsila, restaurante do
InterContinental São Paulo
 
Serão servidos cinco pratos com as características da cozinha contemporânea do Tarsila harmonizados com os vinhos argentinos. O menu contará com creme de caju com frango defumado, com crios torrontes; harmonia do bosque ao molho de limão cravo e crocante de jamón serrano, com o mesmo crios torrontes; duo de filé de pargo, baby lula com risoto de cevada ao molho de açafrão e pimenta biquinho, com catena chardonnay; bife ancho ao molho chimichurri e batatas pont neuf, com newen malbec; tartelette de chocolate com crocante de coco e sorvete de tamarillo ao molho de pistache, com late harvest bianchi.
 
O hotel espera ter um público misto entre passantes e hóspedes, aproveitando que a ocupação estará alta na data.
 
Chef Marcelo Pinheiro
 
Salão do Tarsila 
 
Canvas, do Hilton São Paulo, 
terá inspiração e cara do país hermano!
 
O salão do Canvas Bar & Grill que vai receber vinhos argentinos e pratos inspirados no país do tango
 
Já o Hilton está em etapa de harmonização para os pratos que já estão definidos. Entre eles estão Salada de pimentas, Bife de chorizo à la Argentina e Nosso Prestígio. O cardápio assinado pelo chef Erik Fois terá inspiração e cara argentinas. 
 
A preparação do Bife de chorizo
 
O sous-chef Omar Filho apresenta o prato finalizado
 
A sobremesa ficará por conta do Nosso Prestígio
 
Agora em close

"Acho que teremos uma boa procura de passantes e um bom feedback do público", afirma Osmar Lazani, assistente de Alimentos e Bebidas do Hilton. O hotel vai oferecer ainda um vinho argentino por mês em seu lounge e no Canvas Bar e poderá adotar alguns rótulos do festival em sua carta.
 
 
Everton Pereira e Fernando Perazza, os dois sommeliers do Canvas
 
"Os vinhos argentinos estão se tornando mais populares no Brasil. Características como seco e encorpado estão se tornando mais apreciados pelos brasileiros, que antes preferiam vinhos mais doces", explica o gerente. 
 
A adega do Hilton já conta com alguns rótulos argentinos
 
Pousada Zilah traz harmonia no cardápio 
A Pousada Zilah, aposta no festival para se divulgar e se tornar mais conhecida pelo mercado e pelo público. "Esta é uma ótima oportunidade de sermos vistos no mercado e de tentar passar a imagem de que os restaurantes de hotéis são tão bons quantos os de rua", afirma Thiago Martins, gerente geral do meio de hospedagem.
 
Fachada da Pousada Zilah 
 
O chef irlandês Andrew Lewis e sua equipe
 
O cardápio que será assinado por Andrew Lewis já está pronto e contará com pratos com as características do Zilah Gourmet e que depois devem ser inseridos no menu regular da casa. Entre os pratos estão Bisque de camarão com capim santo, Salada com palmito pupunha e a adaptação do seu tradicional medalhão para melhor harmonizar.
 
A pousada Zilah conta com diversos ambientes como este...
 
 
...ou estes
 
All Seasons com a leveza dos pratos quentes
O All Seasons, restaurante do Golden Tulip Paulista Plaza, vai servir pratos com a marca registrada do chef Christophe Besse. Pratos com produtos brasileiros como Sopa de melão tartare de tomates, crocante de presunto serrano, Carpaccio de pirarucu, vinagrete de coentro e açaí, salada de feijão Santarém, Risoto de camarão e emulsão de curry, Lombo de javali em pappilotte, suco de maracujá e gengibre, massa fresca e musseline de aspargos, além de Pain perdu com compota de cupuaçu e sorvete de baunilha.
 
   
Salão do All Seasons, que fica no Golden Tulip Paulista Plaza
 
Chef Christophe Besse é o responsável
pelo All Seasons
 
A expectativa é boa e o hotel espera receber mais passantes do que hóspedes para degustar as delícias do festival. "Os produtos que serão oferecidos são atraentes e vamos apostar num menu voltado para o clima mais quente", explica o chef.
 
A montagem dos pratos que são delicadamente decorados
 
Lombo de javali em pappilotte, suco de maracujá e gengibre, massa fresca e musseline de aspargos
  
Risoto de camarão e emulsão de curry
 
Pratos brasileiros com toque argentino
O Radisson Faria Lima também vai apostar em pratos com cara de Brasil para harmonizar com vinhos argentinos. Segundo Flavia Häring, gerente de Alimentos e Bebidas, a combinação com que os dois fazem de melhor. "Vamos linkar os vinhos com uma alimentação com características brasileiras", explica.
 
 
O chef Gil monta o Escabeche de truta

O hotel está em fase de conversação com as importadoras e o cardápio elaborado pelo chef Gil já está concluído. Entre os produtos utilizados estão banana da terra, queijo coalho e truta e os pratos foram criados especialmente para o festival. "Vamos fazer o teste com estes pratos", completa a gerente.

"Esta é uma boa oportunidade de divulgar os vinhos, os hotéis e os restaurantes", afirma Flávia. "Trabalharemos com uma ocupação alta e com reservas para passantes", continua.
 
Escabeche de truta, pães e manteiga de ervas
 
Entre as opções do menu estão Duetto de terrine de frango e suíno; Baby beef recheado de queijo coalho, acompanhado de purê de banana da terra e para a sobremesa Trio Origens (mini tartallete de nozes e de morango e pudim de tapioca).
 
O chef Gil prepara outra opção...
 
...Pernil de cordeiro acompanhado com arroz de frutas secas
 
Meliá Jardim Europa incrementa os temperos
Ainda participa do festival o Meliá Jardim Europa. "Temos uma grande expectativa quanto ao retorno e estamos muito curiosos em relação aos passantes que vamos conseguir captar", afirma Victor Rois, coordenador de Alimentos e Bebidas do hotel. A expectativa é que o número de couverts servidos no restaurante Aromatique aumente de 20 a 25% por noite.
 
O salão do Aromatique
 
O menu vai contar com um toque sutil argentino, mas com pratos que já são servidos na casa como o Pintado grelhado ao molho curry com bananas passas. Completam o cardápio Croquete de bacalhau aromatizado com azeite extra virgem e ervas frescas, Folhas selecionadas com patê de foie e terrine de figo fresco ao vinagrete de mel de laranjeiras e aceto balsâmico, Medalhão de filé ao molho de estragão, risto de cogumeloss frescos e aspargos grelhados, além de Surpresa italiana com mascarpone e morango.
  
Medalhão de filé ao molho de estragão, risoto com
cogumelos frescos e aspargos grelhados
(foto: divulgação)
 
Surpresa italiana com mascarpone e morango
(foto: divulgação)
 
Segundo o executivo, a viagem o fez olhar para o vinho argentino de uma outra forma e esta é uma chance de vender o produto de um jeito diferente. O empreendimento deve ganhar em sua carta  alguns rótulos argentinos após o festival.
 
O chef Thoya assina o cardápio do Meliá Jardim Europa
 (foto: divulgação)
 
Um toque francês no cardápio
Para finalizar, o Sofitel traz pratos da cozinha francesa contemporânea harmonizados com os vinhos de Mendoza. O sommelier Jardin, que fez a viagem, trouxe para o festival novas opções de rótulos como o Torrontés e um Icewine. "Minha intenção foi buscar vinhos diferentes como vinhos brancos e outras novidades. Os brasileiros já sabem que o Malbec argentino é um dos melhores", afirma o sommelier.
 
O profissional ainda afirmou que cinco rótulos serão inseridos na carta do P. Verger.
 
Entrada do P. Verger, no Sofitel São Paulo
 
O cardápio vai contar com pratos como Prato Pescador (ostras, siri do Alaska, mexilhões e camarão rosa) com pão campagne e mateiga com sal; Posta de bacalhau cozido ao vapor, servido com purê de batata defumada e molho de salsa; Carré de cordeiro de leite servido com tian de legumes e feijão flageolets, além de Arroz cozido ao leite Impératrice (geleia de laranja, com espuma de chocolate gianduia).
 
Carré de cordeiro de leite servido com
tian de legumes e feijão flageolets
  
O chef Patrick Ferry nos mostrou a sua cozinha
 
O chef confeiteiro nos mostrou o passo a passo
da sobremesa. Aqui vai a geleia de laranja...
 
...e agora a espuma de chocolate
 
Voilá... Arroz cozido ao leite Impératrice
 
O que resta é esperar a semana do dia 22 para experimentar a fusão entre brasileiros e argentinos, que pode provar que os rivais do futebol podem oferecer uma excelente combinação.
 
O Rio é Argentino  
Seis hotéis do Rio de Janeiro estão na fase dos preparativos para o Sabores da Argentina. O Leme Othon Palace, participa com pratos elaborados pelo chef da rede hoteleira Jean Yves Poirey e a colaboração do Mateus Villas Bôas, chef do Bistrot du Leme do hotel.
 
Mateus Villas Bôas, chef do Bistrot du Leme, e 
Jean Yves Poirey, chef da rede Othon
(fotos: Rhaiane Sodré)
 
O agradável bistrô do Leme Othon
 
Além de promover o evento do dia 25 a 27 de março, o meio de hospedagem sediará o cocktail de abertura da iniciativa no dia 22 de março, às 19h30. Já no Rio Othon será realizado o Assado Argentino dia 28.
 
“Compramos a ideia do Sabores da Argentina por acreditarmos que irá gerar um movimento interessante no período e uma mídia de acordo com o nosso público. Os vinhos selecionados são rótulos que ainda não existem no Brasil com um custo benefício interessante”, conta Carlos Ferraz, diretor de Alimentos & Bebidas da rede Othon.
 
Carlos Ferraz, diretor de A&B da Othon
 
A motivação com o projeto foi tanta que a ideia se estendeu para os empreendimentos do grupo em Belo Horizonte e Salvador. “Em maio faremos uma semana da Argentina nos hotéis desses destinos com festivais gastronômicos e apresentações típicas para celebrar o bicentenário argentino”, destaca Ferraz.
 
O meu gastronômico que será apresentado pelo Bistrot du Leme durante o Sabores da Argentina inclui Aumoniere de Salmão com lagostim e broto de soja de entrada, Filé com barrigoule, alcachofra, cogumelos e batata rostie como prato principal e, de sobremesa, Tapioca de doce de leite argentino. As opções serão harmonizadas com vinhos Mendoza.
 
Os últimos ajustes na criativa entrada Aumoniere de Salmão com lagostim e broto de soja
 
O chef Jean Yves apresentando sua criação
 
O profissional montando o prato principal...
 
... o Filé com barrigoule, alcachofra, cogumelos e batata rostie
 
“A minha intuição e trabalho desenvolvido me faz acreditar que será positivo apesar de saber da dificuldade de fazer com que o público carioca frequente restaurantes de hotéis. Também iremos apresentar para os hóspedes o Sabores da Argentina como mais uma opção gastronômica”, completa o diretor de A&B.
 
Ipanema Plaza ousa no cardápio
No Ipanema Plaza, o restaurante Opium apresentará três opções de menu entre 22 e 29 de março. Segundo Alessio Rizzin, coordenador de A&B do empreendimento, a ideia é fazer com que o público do Rio passe a ter o costume de conhecer os vinhos através da harmonização com os pratos.
 
Varanda do Ipanema Plaza. O hotel também participa do evento
 
“Queremos contribuir para tirar da cidade o costume das pessoas só consumirem vinhos tinto e, além disso, agregar a cultura de apreciar o paladar de uma comida com a bebida”, acredita Rizzin destacando que irá aproveitar o gancho do festival para trocar com o público e conseguir o sucesso para que o projeto tenha outras edições no futuro.
 
Alessio Rizzin
 
A culinária da Argentina não será predominante como os vinhos no menu do restaurante especializado em comida asiática. “Tivemos a possibilidade de criar e optamos por oferecer mais opções de menu com características ousadas. São três combinações, uma de carne, uma com carne e peixe e outra apenas com peixe”, explica Alessio.
 
Alguns pratos que fazem parte do cardápio do Opium foram  mantidos ou adaptados para o festival da casa, que funcionará apenas oferecendo o menu do Sabores da Argentina durante o período do projeto.
 
Conheça as opções:
 
1 - Snack Sushi Bar - entrada harmonizada com Laborum Torrentes 2008. Petiscos criados para surpreender com seu visual e sabor. São cinco colheres japonesas: camarão empanado com geleia picante Thai, peixe branco com azeite de ervas, salmão em crosta de chá verde ao molho mostarda e mel, peixe branco recheado com damasco em creme de maracujá, atum em crosta de pimenta japonesa.
 
Snack Sushi Bar
 
Tuna King - outra entrada, mas com harmonização do Chardonnay Catalpa 2009 - Atum crú enrolado com ovas capelim, uva e foie gras.
 
O preparo da entrada
 
E o delicioso Tuna King pronto
 
Arroz de Camarões no Abacaxi como prato principal - Chardonnay Catalpa 2009 - Risotto de jasmim servido no abacaxi, guarnecido com camarões, tiras de omelete, castanha de caju, ervas aromáticas e cubo de abacaxi e gengibre.
 
Opção 2 - Frango crocante em cubos - Laborum Torrontes 2008 - Cubinhos de frango empanados e crocantes servidos com geleia Thai.
 
Penne com cogumelos e mignon - Eral Bravo Cab/Suavigno 2006 - Penne al dente com sugo de filet mignon e cogumelos selvagens com caldo de vitela.
 
Picanha em Crosta de Tofu - Sophenia Malbec 2007 - Picanha grelhada com fina pasta de tofu aromatizado em ervas, pimenta e sal. Acompanha rostie de batata baroa e redução do mesmo Sophenia Malbec.
 
Adentramos a cozinha do Opium para conferir o
preparo da Picanha em Crosta de Tofu
 
O cozinheiro Alessandro Branco explicou todo o processo
 
Momento da montagem...
 
... e o prato servido

Opção 3 - Ceviche de badejo - Laborum Torrontes 2008 - Badejo marinado em limão tropical com ervas e especiarias. Servido no copinho e torradas.
 
Yakissoba a moda japonês - Eral Bravo Cab/Suavignon 2006 - Tradicional spaghetti a moda japonesa, com cubos de filé mignon, frango, peixe, camarão, lula e legumes, regada ao molho Tonkatsu.
 
Costela de porco com camarões médio - Eral Bravo Cab/Suavignon 2006 - Macias costelinhas de porco marinadas e confitadas, acompanha suave e leve musseline de abóbora com camarões.
 
Para todos os menus - Carillon de sobremesas - Trapiche Chardonnay Tardio 2005 - Mine brullé de capim limão, mine tardin de manga com gengibre, rolinho de creme praliné e sorvete de chocolate branco com amêndoas.
 
Parte interna do aconchegante restaurante
 
A equipe de A&B do Opium
 
Caesar Park Ipanema inova com happy hour
No Caesar Park Ipanema o evento ainda permite o aprendizado sobre os vinhos a serem degustados. Antes do jantar acontece um happy hour no bar do hotel com a presença de um sommelier explicando detalhes da bebida. O Sabores da Argentina será realizado no restaurante Agraz de 22 a 29 de março e apresentará um menu criado especialmente para as datas pelo chef executivo
Helbert Moura.
 
Restaurante Agraz
 
Outra opção de mesa
 
“Criei um cardápio de acordo com os vinhos selecionados para a harmonização. A minha especialidade é a gastronomia brasileira contemporânea e optei por dar um toque brasileiro no menu utilizando ingredientes como castanha do Pará e palmito”, explica o chef.
 
Segundo Ante Dapic, gerente de Alimentos & Bebidas do Caesar Park Ipanema, a ideia é maximizar o movimento da gastronomia no hotel e realizar eventos com este foco é uma forma de contribuir para isso. “Além disso temos um bom mercado consumidor de vinhos. Cerca de 50% dos nossos hóspedes são estrangeiros e eles buscam opções da América do Sul. O vinho argentino oferece um bom custo benefício e queremos estimular o consumo do mesmo na cidade”, explica Dapic destacando que além da divulgação externa através de mailling e inserção na imprensa, um trabalho interno está sendo feito com flyer.
 
Ante Dapic
(foto: divulgação)
 
“O restaurante tem 55 lugares. Esperamos conseguir um público de 35 pessoas diariamente”, finaliza o profissional.
 
Como entrada, o chef elaborou o Carpaccio de Palmito Pupunha, Vinagrete de Feijão Fradinho e Pimenta Biquinho harmonizado com o Tomero Torrontés e o Ceviche de Vieiras com Abacate com o vinho Ruca Malen Chardonnay. Para o prato principal, Salmão Assado com Espuma de Manjericão e Mini Ravióli de Azeitonas Pretas acompanhado do Eral Bravo Malbec e Costeleta de Cordeiro em Crosta de Castanha do Pará e Mini Legumes com o DV Catena Syrah Syrah. De sobremesa, Opera Chocolate harmonizado com o Trapiche Tardío.
 
O início do preparo do prato principal
 
A escolha foi o Salmão Assado com Espuma de
Manjericão e Mini Ravióli de Azeitonas Pretas
 
O chef Helbert Moura apresenta sua criação

Detalhe do prato
 
Porto Bay Rio Internacional apresenta novos menus
Marcos Antonio, chef executivo do Porto Bay Rio Internacional, em Copacabana, buscou inspiração nos principais pratos argentinos para o festival, que acontece no restaurante La Finestra do hotel de 23 a 29 de março.
 
A vista pode ser comtemplada durante
a degustação no Porto Bay
 
 
“Estamos bastante otimistas com o projeto. Movimentar a gastronomia dos empreendimentos hoteleiros da cidade é interessante para ajudar a quebrar o paradigma dos cariocas não frequentarem estes espaços. Também temos o objetivo de apresentar uma opção diferente para os nossos hóspedes”, conta Marcia Ramalho, gerente de A&B do Porto Bay Rio.

Marcia Ramalho
 
O menu completo inclui Couvert (pães da padaria do hotel, manteiga aromatizada com limão e tomilho. Amuse bouche - empada de carne carbonada, escabeche de polho), Entrada (Terrina de legumes assados e queijos de cabra ao creme de alho assado ou Folhado de aspargos frescos ao beurre blanc com pérolas de cenoura), Prato principal (Carré de cordeiro em crosta de amêndoas, gratin de batata doce, alho poró e queijo de cabra ou bife de ancho com chips de alho, risotto de abóbora de funghi porcini) e Sobremesa (Tarte tatin de maça e canela com sorvete de creme ou Crepe de avelã com calda de chocolate e pé de moleque).
 
O chef Marco Antonio na montagem
do prato principal...
 
... e da sobremesa
 
A criação finalizada
 
 Entrada: Folhado de aspargos frescos ao beurre blanc com pérolas de cenoura
 
 Carré de cordeiro em crosta de amêndoas, gratin de batata doce, alho poró e queijo de cabra
 
Crepe de avelã com calda de chocolate
 
O maitre Amarildo da Silva está pronto para
 um bom atendimento durante o evento
 
Santa Teresa recebe diversos Sabores
O bairro Santa Teresa também é representado no Sabores da Argentina. O Hotel Santa Teresa participa com o seu restaurante Térèze comandado pelo francês Damien Montecer.
 
Entrada do restaurante do Santa Teresa Hotel
(fotos: arquivo HN) 
 
Damien Montecer

A entrada é composta de Empanadinhas em três sabores e Saladinha de Brotos orgânicos: Camarões pitu, tomates confites e azeitonas, Picanha defumada com compota de maçã, Queijo curado com mel de trufa e tomilho. O vinho escolhido para a harmonização foi Alma Negra Chardonnay Brut 2008.
 
Como prato principal Filet de Haddock poché no vinho argentino, com caçarola de legumes orgânicos e molho sabayon de ervas acompanhado do Catena Chardonnay 2007 ou Bife de chouriço na brasa com seis pimentas latinas e guarnição “LOCCRO” harmonizado com Speri Reserva Malbec 2004. De sobremesa Alfajor Brasileiro com a bebida Titarelli Douce Natural.
 
O Sheraton Rio também participa com um cardápio que prioriza a culinária argentina. No couvert, Língua a la vinagrete com pimentão e berinjela marinada acompanhado do Santa Florentina Brut de Torrontés, da Bodega La Riojana ou Amuse Bouche, que é o Trio de Morcilla, Chorizo e Proveleta, com o vinho Mile Piedras Malbec Brut Rose 2009, Bodega Benvenuto de la Serna Vino Rosado.
 
Para a entrada, sopa de Abóbora ao perfume de Torrentes harmonizado com Santa Julia Magna 2007, Bodega Família Zuccardi, Tintos frutados e especializados de corpo médio superior. Os pratos principais apresentados serão: Costela de cordeiro com vegetais ao forno e redução de Malbec harmonizado com o Norton Malbec, e Bife de Choriço com papa al provensal, Chimichurri e redução de pimenta com o vinho Santa Julia Tempranilho. Para finalizar e adoçar o paladar, Vulcan de doce de leite com gelado de creme. 
 

Comentários