';

"Bem-vindos ao nosso novo portal! "

Peter Kutuchian
Founder & CEO
Cursos
icone de um computador com um LMS (learn management system)
Confira nossos cursos

IHG firma acordo com Foncière des Régions (FdR) e amplia oferta de luxo no Reino Unido

Por Redação 7 de maio de 2018

Foncière des Régions (FdR) - The Principal YorkO The Principal York é um dos hotéis inclusos no acordo

A competição na hotelaria de luxo vem gerando muitos movimentos por parte das principais cadeias internacionais nos últimos anos. A compra da FRHI Holdings Ltd (FRHI) pela AccorHotels, assim como o aquisição da Starwood pela Marriott International são alguns exemplos. No mercado europeu, a mais recente movimentação nesse tabuleiro foi feito pela IHG (InterContinental Hotels Group). Na semana passada, a rede britânica firmou contrato com a Foncière des Régions (FdR), ampliando sua oferta no Reino Unido. Numa tacada só, a companhia acrescentou 13 hotéis (2,3 mil quartos) ao portfólio, posicionando-se melhor em praças como Londres, Manchester e Edimburgo.

Com o acordo, hotéis operados pelas marcas Principal Hotels e De Vere Hotels serão convertidas em unidades da Kimpton Hotels & Restaurants. A transação deverá ser concluída durante o segundo ou terceiro trimestre de 2018, informou a IHG em comunicado. Ao final da reportagem é possível ver a lista completa dos empreendimentos inclusos no contrato, sendo muitos deles ícones em suas praças.

“Estamos focados em continuar a expandir nossa liderança no luxo e alto padrão, que são segmentos de alto valor agregado e com significativo potencial de crescimento. Levar a Kimpton a um mercado tão importante quanto o do Reino Unido é uma parte fundamental de nossos planos”, afirma Keith Barr, CEO da IHG.   

Foncière des Régions (FdR): acordo

Segundo a IHG, a companhia administrará os hotéis a longo prazo, na forma de "arrendamentos gerenciados". Dentro desse modelo há ainda uma série de contrapartidas previstas em contrato. A rede britânica, por exemplo, reverterá uma taxa de royalties, antes de iniciai o pagamento de aluguel dos imóveis, de um valor equivalente às taxas de franquia das propriedades.

A previsão da companhia é que os contratos de aluguel estabilizem-se em £ 48 milhões por ano em 2021. A partir daí, os ajustes se darão em linha com aumentos inflacionários no período. Além disso, a IHG se comprometeu em financiar eventuais déficits nos pagamentos de aluguéis até um limite anual e cumulativo de perdas de £ 16 milhões de libras e £ 48 milhões, respectivamente. A empresa também reterá uma parte dos lucros após o pagamento do aluguel.

Segundo a IHG, a expectativa é que as propriedades inclusas no acordo gerem mais de £ 200 milhões de receita, além de lucro operacional médio de um dígito, até 2023. Além disso, estima-se que os hotéis proporcionem faturamento total de £ 75 milhões no restante do ano.

Veja abaixo a lista completa dos hotéis que fazem parte do acordo:

(*) Crédito da foto: Divulgação/InterContinental Hotels Group