ABIH-SP faz mapeamento de hotéis próximos a hospitais públicos

Visando auxiliar profissionais da saúde que necessitam de hospedagem durante a pandemia, a ABIH-SP (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de São Paulo) realizou um mapeamento em parceria com o Senac-SP de hotéis próximos a hospitais públicos. Em matéria anterior, o Hotelier News identificou alguns empreendimentos espalhados pelo país que abriram suas portas para receber médicos, enfermeiros entre outros trabalhadores que estão na linha de frente no combate a Covid-19.

Batizado de Mapeamento de Meios de Hospedagem Próximos a Hospitais na cidade de São Paulo, as entidades buscam ampliar os esforços e contribuir com o setor hoteleiro diante da crise enfrentada devido ao coronavírus. “A parceria firmada com o Senac São Paulo permitiu um olhar atualizado e específico sobre a oferta hoteleira, contribuindo para atender as demandas do poder público, seja em âmbito federal, estadual ou municipal”, afirma Ricardo Roman, presidente da ABIH-SP, referindo-se aos primeiros resultados obtidos com o cruzamento da oferta hoteleira e a rede de hospitais públicos constantes das listas apresentadas para a associação.

Docentes, alunos e corpo técnico do Senac-SP realizaram o levantamento dos hotéis a partir de plataformas e informações online, identificando os empreendimentos localizados num raio de até cinco quilômetros dos hospitais listados na pesquisa.

Deste ponto de partida, foram apontadas as quantidades de UHs, categorias, endereços e contatos das hospedagens. Agora, a ABIH-SP entrará em contato com os órgãos públicos e serão definidas quais as regiões/hotéis que poderão receber os profissionais de saúde e em que condições as vagas poderão ser ofertadas.

abih-sp

ABIH-SP: mapeamento no detalhe

Foram mapeados 302 meios de hospedagem próximos a 89 hospitais da capital, contemplando as regiões central, norte, oeste, sul e leste. Sobre as categorias, os pesquisadores consideraram 130 meios de hospedagem 3 estrelas, 84 na categoria 2 estrelas, 78 hotéis classificados como 4 estrelas, apenas cinco classificados como 5 estrelas e, por fim, dois de uma estrela. No total, foram catalogadas cerca de 34.600 unidades habitacionais.

Alguns dados interessantes: os hotéis 4 estrelas poderiam ser o hub principal de hospedagem, pois possuem 14.800 unidades habitacionais disponíveis, ou seja, 40% do total levantado. A região mais bem servida em relação à hospedagem é a Zona Sul.

ABIH-S

(*) Crédito da foto: geralt/Pixabay

(**) Crédito dos infográficos/Divulgação/ABIH-SP

Comentários