AccorHotels adquire 50% da Orient Express e entra em um novo segmento de luxo

Após 134 anos da primeira viagem do Orient Express entre Paris (França) e Constantinopla (Turquia), o Grupo SNCF, dono da Orient Express, se associa com a AccorHotels para continuar o desenvolvimento da empresa na hospitalidade de luxo no setor global. Como parte desta parceria, a AccorHotels adquirirá uma participação de 50% no capital social da Orient Express, que até o momento, é totalmente era detida pela SNCF. 

Para Sébastien Bazin, presidente e CEO da AccorHotels, esta parceria consolida a aliança de duas grandes empresas francesas no mundo da viagem para um mesmo propósito: dar um novo ímpeto e posição internacional para uma marca histórica e mundialmente conhecida. "Graças a esta parceria, os nossos clientes poderão desfrutar de uma gama de serviços de prestígio e experiências excepcionais baseadas em um portfólio de marcas de luxo", complementa.

Mathias Vicherat, diretora adjunta responsável pelo Projeto Corporativo, Comunicação e Imagem do SNCF Group, acredita que a experiência de 80 anos no campo de engenharia ferroviária poderá ajudar o desenvolvimento do projeto. "Através da nossa política de património, estaremos ativamente envolvidos na promoção deste trem lendário para o público mais amplo".

A marca Orient Express é um símbolo de luxo, cultura e requinte. O trem lendário, que durante quase um século conectou as maiores cidades da Europa, de Paris à Istambul, é impresso na história. Desde 1977, o grupo SNCF participa ativamente no desenvolvimento da imagem da marca, nomeada desta forma por conta das carruagens antigas vindas da década de 1920, conhecida como Pullman-Orient-Express. Além disso, participou na realização de eventos, como a exposição "Era uma vez no Orient Express" no Institut du Monde Arabe, em Paris, no ano de 2014.

Segundo Guillaume de Saint Lager, secretário corporativo da Orient Express, a ambição é fazer do Orient Express o padrão-ouro em viagens de luxo e hospitalidade. "Estamos orgulhosos e particularmente ansiosos no envolvimento na redação deste novo capítulo com um apoio tão forte".

Os planos da AccorHotels incluem fortalecer sua liderança no segmento de luxo, desenvolvendo uma nova coleção de hotéis de prestígo sobre a marca Orient Express. Esta coleção visa ser um símbolo da arte da viagem, que, mergulhada na história, combinará exotismos e sofisticação. A rede, juntamente com a SNCF, também está empenhado em preservar, promover e compartilhar o patrimônio conectado com o trem e sua história por meio do Fundo de Dotação Orient Express, orgão de interesse público que incentiva e apoia iniciativas de conscientização para o público artístico.  

Os sete carros históricos, símbolos do Art Deco Francês, continuarão a ser propriedade física do grupo ferroviário estatal e serão utilizados para viagens e eventos privados. Eles fornecerão uma nova configuração para a organização de eventos, que pode ser realizada em colaboração com outros negócios da AccorHotels, como Potel & Chabot, Noctis e John Paul.

* Crédito da Foto: Divulgação/Orient Express

Comentários