Adit Share: Aviva continua investindo em Costa do Sauípe

adit shareAviva planeja um Hot Park para seu destino baiano

Ao fim da tarde, Edson Cândido Gonçalves, diretor adjunto de Experiência Vacation Ownership do Grupo Aviva subiu ao palco do Adit Share. O diretor trouxe a trajetória do empreendimento Costa do Sauípe desde que o ex-Grupo Rio Quente o adquiriu. O evento, realizado pela Adit Brasil, foi aberto hoje, pela manhã. A programação continua até sábado em Foz do Iguaçu (PR). 

Após uma negociação de três anos, o Grupo Rio Quente comprou os hotéis em Costa do Sauípe (BA), iniciando a operação em 2018. Dobrando seus destinos, o grupo se tornou Aviva e vêm passando por uma evolução visual da marca. “Temos um novo propósito, o de fazer famílias felizes. Nosso objetivo é proporcionar entretenimento do início ao fim da experiência em nossos destinos e isso está em todos os novos projetos, todas as decisões”, afirmou Gonçalves. 

Após passar para as mãos do Aviva, apesar da novidade, o destino baiano teve seu primeiro lucro em 18 anos, de R$ 10 milhões. “Nosso objetivo para 2018 no Sauípe era lucrar R$ 1. O que almejávamos era não ter prejuízo tanto porque tínhamos conhecimento limitado. Tivemos que aprender como operar um destino de praia, antes só operávamos em destino de campo e Sauípe era um empreendimento de alto risco”, conta o diretor.  

Fora isso, no ano passado os dois destinos do grupo recebem 2,2 milhões de clientes ao ano, faturando mais de R$ 680 milhões em 2018. 

Adit Share: projetos de expansão

Como Aviva, o grupo realizará diversos projetos de expansão e reformas na Costa do Sauípe e em outros empreendimentos. Como por exemplo, o retrofit completo dos hotéis no destino baiano que começam esse ano. O hotel Premium já foi fechado para obras e deve abrir novamente entre outubro e novembro. 

Sauípe também já recebeu um novo espaço de lazer, a Quermesse da Vila, e novas experiências gastronômicas. Além disso, o grupo está investindo em novos empreendimentos de multipropriedade. Caso do InCasa Residence Club, que já vendeu 25% de suas frações com construções já iniciadas. 

Mas as novidades estão nos parques aquáticos. No Rio Quente (GO), as portarias do hotel e do Hot Park já foram separadas na espera de receber a Hot City. “Já começamos as obras da Hot City, que será nossa cidade em volta dos nossos produtos no Rio Quente”, disse Gonçalves. 

Já a Costa do Sauípe receberá um Hot Park para chamar de seu. Em fase final de concepção, o projeto do Hot Park Baía das Tartarugas deve ter as construções iniciadas no começo do ano que vem. Sua entrega está prevista para a virada de 2020 e 2021. 

(*) Crédito da foto: Juliana Stern/ Hotelier News

Comentários