Após investimento do MTur, Angra dos Reis inicia Projeto Orla

mturOficinas para aprimoramento turístico começam nesta semana em Angra dos Reis

Recentemente o Mtur (Ministério do Turismo) anunciou um investimento de R$ 15 milhões em Angra dos Reis, voltados para obras na região. Além da infraestrutura, o local agora recebe também incentivo para aprimoramento turístico para dar início ao Projeto Orla.

A iniciativa é resultado de um acordo entre a prefeitura e a SPU (Secretaria de Patrimônio da União) do Ministério da Economia.  Durante nove dias, a região recebe reuniões, além de oficinas e visitas de campo. Após as avaliações decorrentes das reuniões e visitas de campo, será traçado um plano ação, previsto para segunda quinzena de abril.

De suma importância para o turismo regional, a iniciativa engloba “políticas ambientais, urbanas, patrimoniais e de turismo. Esperamos promover melhorias de um modo geral, dar maior efetividade aos recursos públicos e privados é tornar Angra uma referência mundial em turismo", explica Larissa Dutra, diretora de Desenvolvimento turístico do MTur 

Arquitetada pelo Mtur em conjunto com as pastas do Meio Ambiente, do Desenvolvimento Regional e a Turisangra (Fundação de Turismo de Angra), a ação busca aproveitar o potencial turístico do litoral sul fluminense.

Fernando Bispo, secretário de Coordenação e Governança do Patrimônio da União,  esclarece ainda que "o objetivo é a geração de renda, prosperidade e conservação. Estamos aqui nos responsabilizando por essa gestão, e não há outra alternativa senão a execução. A jornada começa aqui, é mais um passo nesse caminho, e precisamos ter ciência do que estamos tratando".

MTur: investimentos

Logo no início do ano, em fevereiro, Marcelo Álvaro Antônio, ministro do Turismo, visitou a região junto ao senador Flávio Bolsonaro e o deputado federal Hélio Lopes, para avaliar as estratégias do projeto.

Os R$ 15 milhões investidos pela pasta, hoje são direcionados para obras como adequação e junção do Cais dos Pescadores e do Cais de Santa Luzia, a iluminação de monumentos históricos e a criação do Píer da Costeirinha.

(*) Crédito da foto: Divulgação/MTur

 

Comentários