ASSA ABLOY assume controle acionário da agta record

ASSA ABLOY - compra agtaNegócio custou € 503 milhões e depende de aprovação

A ASSA ABLOY anunciou ontem (6) ter assumido o controle acionário da agta record. A empresa sueca, que já detinha participação de 39% no capital da agta, pagou € 503 milhões por mais 54%. A conclusão do negócio ainda depende de aprovação de órgãos reguladores europeus, informaram as partes envolvidas, em comunicado.

O acordo fecha um ciclo iniciado em 2011, quando a ASSA ABLOY fez o primeiro aporte e adquiriu os 39% iniciais. Na ocasião, a empresa sueca celebrou um contrato com a família fundadora e outros acionistas para fazer a aquisição indireta de suas participações. Em 2018, o momento chegou para concluir o negócio.

De origem suíça, a agta record é fabricante de sistemas de portas automáticas. A expertise da empresa abrange desde o design e produção à instalação e manutenção dos produtos.  Sediada em Fehraltorf, na Suíça, a agta tem 2,6 mil funcionários, além de subsidiárias em 17 países. Com clientes no mundo todo, a companhia teve vendas de € 374,4 milhões no ano passado.

ASSA ABLOY: expectativa

Nico Delvaux, presidente e CEO da ASSA ABLOY, acredita que a aquisição completa o portfólio da companhia sueca. “Estou convencido de que a ASSA ABLOY será um bom lar para o agta record, que é um acréscimo estratégico ao grupo”, avalia. “Ela agrega importantes competências, produtos e serviços, reforçando nossa posição em um mercado bastante competitivo”, acrescenta.

Opinião similar tem Mogens Jensen, vice-presidente executivo da ASSA ABLOY. "A agta record complementará tanto nossa oferta de produtos, como de cobertura geográfica. É uma marca conhecida, uma cultura forte, produtos de alta qualidade e uma força de trabalho e de gestão muito forte”, diz o executivo. “Nossa intenção é manter a marca e seu histórico, criando uma área de negócios separada, paralelamente à nossa atividade no segmento de portas automáticas", finaliza.

(*) Crédito da foto: Aymanejed/Pixabay

Comentários