Azul Linhas Aéreas deve operar mais de 200 voos extras para Foz do Iguaçu (PR) na alta temporada

Azul-Linhas Aéreas - demanda em junhoAlta temporada vai de dezembro a fevereiro

A paranaense Foz do Iguaçu (PR) deverá receber mais de 200 voos extras da Azul Linhas Aéreas no período da alta temporada – de dezembro de 2018 a fevereiro de 2019. Novos destinos conectados diretamente à cidade como Campo Grande e Florianópolis elevam o número de chegadas. 

Em outros casos, como a rota para Belo Horizonte e Navegantes (SC), o número de frequências vai aumentar. No primeiro exemplo, sobe para dois voos diários, enquanto, no segundo, para três. Outras rotas extras divulgadas para o período são a ligação com Curitiba, que passa a ser feita quatro vezes por dia, e com Campinas, com dois voos diários.

Marcelo Bento Ribeiro, diretor da Azul Linhas Aéreas, explica o reforço na oferta para o destino. "O verão cria novos fluxos de turismo interno no Brasil, agitando polos como Foz do Iguaçu. Por isso, nesse período, a Azul amplia a oferta de seus produtos, tornando as viagens aéreas mais acessíveis e contribuindo para a diversificação e incremento do turismo no Brasil”, comenta.

Em junho, a companhia registrou aumento de 21% na demanda de voos.

Expectativa para Foz do Iguaçu

De acordo com as projeções da Azul Linhas Aéreas, a melhora da conectividade deverá gerar cerca de 2.890 assentos semanais e abrir novas oportunidades de incremento do fluxo turístico. 

"Conectividade é a palavra-chave para mantermos o fluxo turístico em alta. Movimento no nosso aeroporto cresceu 18% em 2017 e esperamos repetir a dose em 2018", afirma Gilmar Piolla, secretário de Turismo da cidade paranaense.

A cidade vai receber, até o final do ano, um aporte de R$ 12 milhões em investimentos no turismo.

(*) Crédito da foto: Divulgação/Azul Linhas Aéreas

Comentários