BNDES disponibiliza R$ 5 bi em linha de empréstimo para micro, pequenas e médias empresas

BNDES- aportePrograma será ampliado até o final de 2020

Grande preocupação na economia brasileira, o acesso ao crédito é tema central de debates entre especialistas que analisam a crise, a exemplo da live do Hotelier News. A grande problemática apontada é a questão da falta de garantias, principalmente por parte de pequenas empresas. Compreendendo o cenário, o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) ampliou na última sexta-feira o programa que disponibiliza linha de empréstimo para capital de giro, injetando mais R$ 5 bilhões em liquidez no mercado.

Voltado para micro, pequenas e médias empresas, o valor disponibilizado para a renovação soma R$ 5 bilhões. Previsto no plano inicial de enfrentamento ao coronavírus, o montante já havia sido apresentado pelo banco em março.

BNDES: o programa

Ao todo, já foram aprovadas 16.318 operações com 15.094 empresas, com valor médio de R$ 318 mil por operação. Como o Brasil ainda se encontra em cenário de crise, o programa vai ser ampliado até o fim do ano. A nova fase consiste na disponibilização de mais R$ 5 bilhões.

Entre os setores contemplados até aqui, segundo informe do BNDES, estão o de comércio e serviços, que adquiriu 79,7% dos recursos. Na sequência aparecem indústria de transformação (19,5%), agronegócio, com 0,7% e a indústria extrativista, 0,1%.

Podem solicitar o financiamento empresas com faturamento de até R$ 300 milhões anuais. O valor liberado é de até R$ 70 milhões por ano, com carência de até 24 meses e prazo para pagamento de até 60 meses. As taxas de juros são negociadas entre a empresa e o agente financeiro.

(*) Crédito da foto: Arquivo/Agência Brasil

 

Comentários