Buscando firmar-se como opção gastronômica, Senhor Chopp, do Arco Ribeirão Preto II, é aberto


Fachada do Senhor Chopp especialmente iluminada para a inauguração
(fotos: Juliana Bellegard)

Instalado na entrada da cidade, o Arco Ribeirão Preto dois atende uma região onde o movimento corporativo é grande, por conta da presença de diferentes empresas no entorno, mas ainda há falta de opções gastronômicas. Percebendo esta oportunidade e aproveitando o reconhecimento da cidade por sua famosa cerveja, o hotel abriu hoje (16) as portas de seu novo restaurante, Senhor Chopp. Durante a festa de inauguração, Júlio Gavinho, diretor presidente da doispontozero Hotéis, que administra o empreendimento, destacou que a proposta é firmar-se como um local bacana para relaxar e tomar um chopp.

O espaço é oriundo de uma mudança estrutural do hotel: o empreendimento tem duas torres e, anteriormente, funcionava como dois meios de hospedagem diferentes. Com a chegada da doispontozero, ambos edifícios atendem como una unidade só, e o espaço que comportava a antiga recepção de um dos lados, junto com o restaurante, ficou vago.


Júlio Gavinho, diretor presidente da doispontozero Hotéis

Com isto, entram na jogada os dois sócios do Senhor Chopp, que viram na parceria com a Arco uma oportunidade positiva de desenvolver um estabelecimento que retomasse o bom paladar da cerveja. Caio Alcântara Cici e Hudson Ferreira explicam que o restaurante traz para o público as cervejas locais - somente na cidade de Ribeirão Preto, há três fábricas - acompanhadas de um cardápio típico de boteco, com alguns itens da culinária alemã. Com a parceria, a marca Senhor Chopp, que já existe há 15 anos, passa a ser exclusiva desta unidade Arco.


Caio Alcântara Cici e Hudson Ferreira, sócios do Senhor Chopp

O hotel
Com 110 apartamentos, o Arco Ribeirão Preto II passou, no fim do ano, por uma série de reformas, nas quais foram investidos quase R$ 500 mil. Gavinho explica que banheiros, restaurante, academia e troca de itens nos quartos - como colchões e TVs -, além de mudanças na infraestrutura, demandaram um aporte de R$ 350 mil.

Outros R$ 120 mil foram gastos na construção de uma suíte presidencial onde antes havia o fitness center e uma piscina.

Serviço
www.arcohotel.com.br

Comentários