Casa de Uco (Argentina) aposta nas experiência e no luxo

Casa de Uco - Florencia AmayaFlorencia destaca que o Brasil é o principal mercado emissor para o hotel

Um pedacinho do paraíso em uma das principais regiões vinícolas de Mendoza. Em um resumo básico, é como se pode definir a Casa de Uco, hotel boutique situado no Valle de Uco. Agora, por mais que este texto se esforce, é impossível transmitir a experiências que o empreendimento pode oferecer. Boa gastronomia, enologia, luxo, arquitetura contemporânea e diferentes atividades formam o conjunto de atrações da unidade, aberta há cinco anos.

Um dos hotéis participantes do TL Roadshow 2019, realizado quarta-feira (23), em São Paulo, o hotel ocupa uma área de 320 hectares. No total, são apenas 16 acomodações (em três categorias) e três villas, todas desenhadas pelo arquiteto Alberto Tonconogy. Há ainda uma piscina aquecida, restaurante e spa, além de uma série de atividades, como cavalgadas e piqueniques. Ah, claro, não se pode esquecer dos vinhedos e da adega com vinhos próprios.

“Nosso público alvo são casais mais jovens, mas recebemos também famílias. Apenas 10% dos hóspedes são nacionais”, explica Florencia Amaya, gerente de Vendas & Marketing da Casa de Uco, que integra o portfólio do Virtuoso. “Entre nossos principais mercados emissores, o Brasil lidera, seguido por Estados Unidos e Reino Unido”, completa a executiva, destacando que há voo direto do país para a cidade argentina.

Casa de Uco: casamentos

De acordo com Florencia, a diária praticada na alta temporada chega a US$ 490. Ela acrescenta também que um segmento de negócio importante para o empreendimento é a realização de casamentos. “Sediamos muitos casamentos de casais brasileiros, por exemplo. Utilizamos a área externa nessas ocasiões” finaliza.

(*) Crédito da capa: Divulgação/Casa de Uco

(**) Crédito da foto: Vinicius Medeiros/Hotelier News

Comentários