Club Med Itaparica: filosofia da rede com detalhes baianos

A área da piscina pode ser considerada o centro de convivência no Club Med Itaparica
(fotos: Filip Calixto)
A equipe do Hôtelier News desembarcou em Salvador (BA) e foi até a Ilha de Itaparica - a pouco menos de 1 hora da capital baiana - conhecer o mais antigo resort da rede Club Med no Brasil, o Club Med Itaparica; que desde 1979 recebe turistas de todas as partes do mundo. Nordestino por adoção e pela ginga, o empreendimento tem diversas atrações de lazer, recreação e entretenimento.
A viagem começa em Guarulhos (SP), mais precisamente no aeroporto internacional Governador André Franco Montoro - popularmente conhecido como Cumbica -, partindo pouco depois das 7h. Alguns minutos antes das 10h já estávamos em Salvador. Por volta das 11h um ônibus, que tem como destino a marina da cidade deixa o aeroporto. Coisa de 25 minutos depois, já na marina, o caminho até o resort só pode ser feito por embarcações.
Dali são cerca de 45 minutos até ancorar na Ilha de Itaparica, onde existe mais um ônibus esperando para conduzir-nos ao Club Med, do outro lado da cidade, mais meia hora de ônibus.
No caminho três ou quatro jovens senhoras conversam. Nada muito longe do senso comum. Algo sobre a popularização do mercado turístico brasileiro. De acordo com a teoria de uma delas, o acesso de classes menos favorecidas financeiramente a alguns destinos brasileiros fez com que estes perdessem seu 'glamour'. A tese, aprovada por quem dava ouvidos à conversa, foi, aos poucos, substituída por anedotas disfarçadas de ações elegantes que relatavam incursões em busca de objetos decorativos inusitados em destinos desconhecidos do Brasil; uma espécie de competição sobre quem tinha melhor tino para a aquisição de móveis exóticos. Por sorte, o 'papo-cabeça' foi interrompido logo nos primeiros sintomas de náuseas.
Com água de coco, coquetéis, toalhas brancas e muitos sorrisos, havíamos chegado ao Club Med Itaparica - um símbolo da rede francesa mesclado às peculiaridades da vida baiana.
Por Filip Calixto*
 
Da marina de Salvador, lugar onde a viagem tem início, é possível ver alguns detalhes da capital baiana 
O Elevador Lacerda é um dos monumentos que se vê da marina
 
Embarcações são a ponte entre a marina de Salvador e a ilha de Itaparica, onde está localizado o resort
 
 Do catamarã, ao longe, a visão da capital da Bahia
 Os edifícios dão lugar a igrejas e casas térreas quando a visão
já alcança o destino da viagem
O desembarque na marina de Itaparica
 
 
A viagem até a chegada no village segue por terra, de ônibus
 
Criado como um clube de diversão entre amigos, hoje a rede
Club Med é uma das maiores cadeias de resorts do mundo
Club Med
"Não se pode falar em Club Med sem explicar sua filosofia e como a companhia foi criada", inicia Janyck Daudet, CEO do Club Med para a América Latina, em uma das manhãs ensolaradas do verão baiano.
"O Club Med começou na Europa, logo depois da Segunda Guerra. Tudo foi construído a partir da iniciativa de um jovem judeu que começou a reunir pessoas que precisavam reencontrar o gosto pela vida. Eram promovidos acampamentos em que as pessoas se reuniam para praticar esportes e passar tempo juntas - e desta maneira nasceu a rede Club Med", conta o CEO.
Segundo Daudet, o negócio cresceu pelo boca a boca. A reunião era feita periodicamente e logo não havia mais barracas para abrigar a demanda de pessoas querendo se juntar ao grupo. Naquele momento, um empresário francês foi convidado a fazer parte da turma, com a condição de que cedesse algumas de suas barracas para a ampliação do negócio. As barracas transformaram-se em tendas, as tendas em habitações de alvenaria e um clube de férias em uma cadeia com resorts espalhados por quatro continentes.
Aqui, a vista de alguns conjuntos de apartamentos
Muitas habitações ficam em pequenas vilas com dois ou três andares
Acomodações
A estrutura do Club Med Itaparica conta com 323 apartamentos distribuídos em duas classificações: os quartos Club (Standard) e os dormitórios Deluxe.
Os quartos são espaçosos e a decoração é bem caracterizada com a cultura nordestina, com cores vivas e espalhadas em todos os detalhes. Todos os quartos contam com ar-condicionado, cofres de segurança, frigobar, secador de cabelos, telefone, tomadas elétricas americanas (110 e 220 volts), televisões de plasma com programação a cabo e internet wireless.
  
 
A entrada no apartamento, acredite, é pelo banheiro
 
A madeira é o elemento mais presente na decoração do banheiro
 
À frente do box, há um banco para que se coloque objetos ou até mesmo para uma parada pós-banho
Na porta do quarto há um espelho vertical com moldura de bambu
Todos os quartos contam com um quadro bem colorido acima da cabeceira da cama
 
A roupa de cama é sempre bem colorida Na suíte deluxe existe um quarto com cama de casal... (foto: divulgação) ...E outro com duas camas de solteiro (foto: divulgação)
Gastronomia
O departamento de gastronomia do Club Med Itaparica funciona no sistema all-inclusive e oferece três refeições diárias: café da manhã, almoço e jantar. O restaurante é dividido em cinco alas decoradas de forma igual.
No centro do ambiente existem estações que servem refeições de tipos diferentes em cada uma. Cada uma das refeições conta com alguma especialidade ou um tipo de culinária típica - colocadas como opções aos pratos tradicionais.
Exista ainda um segundo restaurante que abre apenas esporadicamente, em ocasiões especiais.
Todas as refeições são servidas no restaurante principal do resort A escada que dá acesso ao restaurante
 
Luminárias artesanais enfeitam e dão cor à decoração do restaurante
Em todas as refeições do dia, existem diversas opções de bebidas
 
 
O espaço preparado para o café da manhã, com opções de frios...
...Diversos sabores de geleias... 
...Pães de diferentes tipos, todos de fabricação própria... 
...E cereais
 
Mini Club Med
O Mini Club Med recria em formato menor todas as atividades que o resort oferece para os adultos. Para o espaço são destinados profissionais especializados em atividades de recreação - para crianças e adolescentes.
Ideal para meninos e meninas entre quatro e 11 anos, o local tem opções de piscina, campo de futebol - com dimensões adaptadas para crianças -, parquinho com piso de grama e de areia, entre outros espaços.
No ambiente, as crianças são divididas em subgrupos de acordo com suas idades. Entre as atividades disponíveis estão teatro, pintura, modelagem e desenho.
 
No Mini Club todas as opções de diversão são adaptadas para as crianças
O campo de futebol também tem medidas reduzidas
 
Para todas as atividades existem profissionais especializados para orientar os pequenos
GOs
Espalhados por diferentes partes, empenhando diversas atividades, em todos os departamentos do empreendimento, os GOs (Gentis Operadores) são tidos pelos altos executivos da rede como fator diferencial da companhia frente a outros resorts pelo mundo. "O diferencial do Club Med é um só: o GO. Ele é o link que faz com que as coisas aconteçam", diz o CEO da rede para a América Latina.
Estes profissionais participam ativamente do cotidiano do resort, em momentos de trabalho ou de folga - vivenciando junto com os visitantes todas as atrações que a unidade hoteleira tem a oferecer.
Em Itaparica, são 85 profissionais que atuam em todas as atividades do empreendimento - desde o bar a atividades de orientação do Mini Club Med. "Eles participam de shows, apresentações, das recepção dos hóspedes que estão chegando. São parte muito importante da experiência que queremos oferecer", diz Daudet.
Por todos os lados, é possível perceber a presença dos GOs
Seja auxiliando os hóspedes em alguma necessidade...
 
 
... Desempenhando tarefas para a manutenção do resort...
...Ou até em conversas informais com os visitantes
Club Med Itaparica
"Este resort foi feito, num primeiro momento, para receber turistas que vêm da Europa. Mas percebemos logo que existia um mercado muito grande chamado Brasil", conta Janyck Daudet. Segundo ele, o público brasileiro se revelou um ótimo mercado para ocupar os espaços e para preencher a quantidade de atrações que havia no lugar. "Hoje temos cerca de 70 mil brasileiros que frequentam nossos três villages no País [além deste empreendimento a companhia também conta com mais dois resorts instalados no Brasil: o Club Med Rio das Pedras, localizado no Estado do Rio de Janeiro e inaugurado em 1989; e o Club Med Trancoso, também situado na Bahia e inaugurado em 2002]", diz.
A estrutura do resort impressiona. São mais de dez quadras de tênis; campo de golfe; equipamento de fitness center - com aulas coletivas e individuais -; três quadras de squash; ginásio com aparatos para jogos de futsal, vôlei e basquete; hípica com estábulo acoplado; espaço para a prática de arco e flecha; esportes náuticos com vela; aulas de circo e equipamentos de trapézio; campo de futebol - tudo sob a supervisão e orientação de profissionais especializados. Além disso, o empreendimento ainda conta com estacionamento, centro de convenções, centro de atrações para abrigar eventos como shows musicais, entre outras instalações.
Apesar dos números de atividades e de facilidades encontradas na unidade baiana, os responsáveis pela rede fazem questão de manter elementos comuns entre todas unidades e, a partir disto, criou-se o que a rede chama de filosofia Club Med.
De acordo com Daudet, por mais peculiares que sejam as instalações da unidade Itaparica, não se pode falar dos villages da rede separadamente. Para o CEO, todos fazem parte e são elos de uma mesma corrente, compartilham a mesma filosofia. "Têm um pensamento em comum, que faz com que toda a estrutura funcione; e é assim desde a criação da primeira estalagem".
O bar fica ao lado da piscina principal
  
 
A piscina é rodeada por espreguiçadeiras em todos os flancos
 
 
As margens da piscina são o principal ambiente de interação entre hóspedes
 
 
 
Acima, a portaria e as principais entradas do Club Med
A Recepção é um espaço aberto sendo bem iluminado pela luz natural
 
 
 
Por todo o espaço do resort, há placas com informações e lixeiras  
O Club Med conta com centro de convenções para receber eventos de grande porte
Há também espaço com acesso a computadores e à internet
Existe também um departamento que realiza excursões guiadas pelas cidades de Itaparica e de Salvador
Uma boutique com produtos da grife Club Med e específicos para praia
  
O fitness center tem a vista de um dos lagos que atravessa o empreendimento
 
 
O espaço é equipado com aparelhos para todos os tipos de ginástica
O village ainda oferece espaço e equipamento para a prática do arco e flecha...
 
Atelier para pinturas de telas e tecidos...
 
 
Quadra especial para squash...
 Ginásio para jogos de vôlei, basquete e futsal...
 Campo de golfe...
 
 
 Estrutura, equipamentos e professores para quem quiser se arriscar sobre os trapézios...
...Além de mais de dez quadras de tênis...
...Clube Hípico e aras...
...Quadra de vôlei de praia...
...E um espaço com redes
Por toda a extensão, existem espreguiçadeiras disponíveis para os hóspedes 
 
A maré do mar de Itaparica em dois momentos; baixa na parte da manhã e mais alta na parte da tarde
 
Enquanto a maré está baixa, há quem aproveita para andar a cavalo 
 
Em partes da praia, alguns equipamentos para a prática de vela estão à disposição junto a profissionais para orientar o visitante
Um clique do final da tarde, quando pescadores se despedem do mar de Itaparica 
 
Serviço
Club Med Itaparica
KM 13 Nazaré, Conceição Vera Cruz, Itaparica - Bahia
55 71 3681-88-00  
*O repórter do Hôtelier News viajou a convite do Club Med Itaparica

Comentários