Conotel: Para ABIH-CE, turismo pode ser considerado ‘tábua de salvação‘ da economia estadual

abih-ce conotelBarros fez um discurso otimista para os participantes

"O turismo é a redenção econômica para o estado do Ceará". Com essa frase, Eliseu Barros, presidente da ABIH (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis) cearense, fez seu discurso durante a cerimônia de abertura do Conotel 2018. O empresário, proprietário do Marina Park, enalteceu o atual governo estadual e seus feitos para o segmento.

Segundo o presidente regional da associação, a administração de Camilo Santana, atual comandante do governo estadual, aumentou o fluxo de voos para a região. "A chegada do hub de Air France-KLM e Gol nos enche de orgulho e faz do estado um destino mundial", aponta.

Destacando as iniciativas públicas, Barros chama a atenção para o lado oposto da história. "É a vez do setor privado fazer sua parte", adverte. "Precisamos arregaçar as mangas e trabalhar. Fazer o turismo mais forte e o setor mais próspero depende de nós", assegura.

Para o dirigente, a escolha de Fortaleza como primeira cidade da fase itinerante do Conotel pode simbolizar uma mudança de postura. "Hoje somos a capital da hotelaria no Brasil. Isso precisa nos inspirar", diz.

Visão otimista vai além da ABIH-CE

O clima de otimismo para o setor vai além das projeções da associação hoteleira. Também participando do evento, Arialdo Pinho, secretário de Turismo do Ceará, destaca as iniciativas da pasta para capacitar a oferta hoteleira estadual. De acordo com o secretário, a Setur já colocou em andamento um programa de desenvolvimento que busca qualificar e ampliar oferta.

"Queremos dialogar e ter contato direto com os hoteleiros. Nossa sede está à disposição para que conheçam e entendam o que estamos fazendo pelo turismo do Ceará", afirma.

(*) Crédito da foto: Filip Calixto/Hôtelier News

Comentários