Curitiba recebeu injeção de R$ 108 mi em gastos de turistas em 2019

curitibaEstande do CCVB durante a Feira EBS

A economia de Curitiba recebeu uma injeção de R$ 108 milhões em 2019. O valor foi totalizado por gastos de turistas em estabelecimentos locais, segundo o balanço feito pelo CCVB (Curitiba Convention e Visitors Bureau). No ano passado, a capital paranaense recebeu 114 mil pessoas de fora, enquanto 2018 foram registrados 98 mil. 

Eventos e negócios reforçaram o potencial de Curitiba no setor turístico. A cidade encerrou 2019 com 181 eventos mapeados entre feiras de negócios, corporativos e técnico-científicos. Como resultado do amplo calendário, 228 mil congressistas passaram pela capital no ano passado.

“Tivemos um incremento de 50% no número de mantenedoras em relação a 2018, com 30 novas associadas”, comemora Paulo Iglesias, presidente do CCVB.

Além de ações para o público externo, o CCVB tem iniciativas focadas no networking entre seus mantenedores: em 2019, foram promovidas quatro rodadas de negócios, um almoço de networking com agências e operadoras de viagens, além do lançamento de uma nova ação, o Conecta Curitiba, que promove os negócios entre os associados. Também merece destaque a realização do Prêmio Embaixadores de Curitiba, que teve recorde de público.

Curitiba: ações

Em 2019, uma das principais ações foi a participação do CCVB em feiras, como a presença pela primeira vez na Feira EBS, em parceria com o IMT (Instituto Municipal de Turismo), e a atuação como expositor no Festival de Turismo das Cataratas. “Com relação ao segmento MICE, iniciamos uma pesquisa de demanda em eventos, em parceria com o Observatório de Turismo da UFPR, que trará números importantes do mercado de eventos”, informa Iglesias.

E para divulgar não somente o destino Curitiba, mas também as inúmeras possibilidades de passeios e de entretenimento da capital paranaense, o CCVB lançou o programa Vem Ver Curitiba, apresentado por Amanda Negrele e transmitido pela TV Paraná Turismo. O programa tem o apoio cultural da BWT Operadora de Turismo e Serra Verde Express.

(*) Crédito da foto: Divulgação/CCVB

 

Comentários