CWT termina 2018 com saldo positivo nos principais indicadores

CWT - Resultados 2018Segundo o CEO, a prioridade da CWT continuará sendo a experiência do cliente

Com seis trimestres consecutivos de aumentos em alguns indicadores, a CWT (Carlson Wagonlit Travel) divulgou seus resultados de 2018. O retrospectivo positivo se repetiu no cenário geral, com aumento de 6,1% no volume de transações, 4,9% na receita e total de US$ 1,7 bilhão em novas vendas contratadas.

No setor operacional, os valores também foram bons. Nas transações, o aumento foi de 3,3%, chegando a 62 milhões. Em tecnologia, a empresa viu um acréscimo de 20% nos investimentos, enquanto viu seu app ser baixado mais de 650 vezes por dia. A taxa de retenção de clientes chegou a 96%.

“Além da impulsão devido ao crescimento dos mercados na América do Norte e Ásia-Pacífico, nossa estratégia teve participação importante nos resultados”, afirma Kurt Ekert, presidente e CEO da organização. 

Segundo ele, para este ano, a prioridade da CWT continuará na experiência do cliente. A observação de oportunidades de crescimento, centralização de ações e estabelecimento de uma cultura própria também serão pontos relevantes. 

CWT: frentes

A empresa leva seus critérios para mais três divisões dentro do turismo: a CWT Energy, Resources & Marine, onde a empresa fornece soluções de viagens para companhias marítimas, indústrias de energia alternativa e empresas do mar em geral.

O CWT Solutions Group por outro lado realiza consultorias para ajudar na eficiência de empresas, relacionando inovações em tecnologia, principalmente. No setor hoteleiro, a Roomlt by CWTTM promove a distribuição de empreendimentos no portfólio da CWT.

Por fim, a CWT Meetings & Events coordena a entrega de novos projetos para clientes, agindo na logística de encontros. No começo do mês, esse braço da empresa lançou uma plataforma de gestão de eventos corporativos.

 

 

(*) Crédito da foto: Carlos Muza/Unsplash

Comentários