Diária média do Jurema Águas Quentes cresce 7% em 2018

Jurema Águas QuentesO Lagos de Jurema (foto) possui 184 acomodações

Com uma série mudanças em 2018, incluindo rebranding da marca e entrada no mercado de timeshare, o Jurema Águas Quentes celebra a performance do ano. Em balanço divulgado para a imprensa, o complexo hoteleiro informa que a diária média teve acréscimo de 7% frente ao ano anterior.

Nilson Bernal, diretor-presidente e CEO do complexo, afirma que, mesmo com percalços, o ano de 2018 foi positivo. “Sabemos dos desafios do setor e, por isso, nos preparamos para qualquer eventualidade”, diz o executivo. “Em suma, nossos projetos foram colocados em prática de maneira ágil e seguindo nosso plano de desenvolvimento”, completa.

O ano foi marcado pela implementação do plano estratégico da empresa, que visava reposicionar o complexo no mercado de hospitalidade. Foram realizados também altos investimentos em infraestrutura de TI (Tecnologia da Informação), além do lançamento do Jurema Vacation Club

 Jurema Águas Quentes: 2019

Com Marcos Vileski à frente da direção de Vendas & Marketing, a previsão para 2019 é de boas vendas no segmento de timeshare. “Nossa equipe trabalha em muitas mãos. São muitos setores focados e isso nos ajuda para um bom resultado”, explica. “Mesmo assim, contrataremos mais executivos em 2019, inclusive em mercados como São Paulo”, acrescenta. 

Além disso, outro foco da empresa neste ano é o segmento Mice, trabalhado pela equipe do Jardins de Jurema Convention & Termas Resort. Em construção acelerada, o empreendimento está sendo construído e a previsão de inauguração é para o próximo semestre.

(*) Crédito da foto: Divulgação/Jurema Águas Quentes

Comentários