Equipotel: Climber RMS direciona a mira para o Brasil

equipotel climberGameiro: Devemos atender 200 hotéis no Brasil até o fim de 2020

Marcando presença na Equipotel 2019, que acontece desde terça-feira (10), em São Paulo, a Climber RMS tem seus olhos voltados para o Brasil. A empresa portuguesa, no mercado desde 2015, iniciou estratégia de expansão na América Latina, começando pelo país verde e amarelo. 

A Climber fornece software de gerenciamento para Revenue Management. O programa permite otimização de receita por meio de análise de dados em tempo real. O sistema é capaz de recomendar a melhor tarifa naquele momento, prever períodos em que a receita pode ser amplificada e ainda mostrar como o hotel está em relação aos concorrentes.

“Estamos apostando grande no Brasil, nosso sistema já possui integração com os principais players em PMS que atuam no país, fazendo com que a aceitação seja mais fácil e rápida no mercado”, disse João Gameiro, gerente de Vendas da Climber. 

O foco da empresa está sendo hotéis independentes e pequenas ou médias redes hoteleiras. Com as negociações já iniciadas, Gameiro acredita que, até o fim de 2020, a empresa já atenda 200 hotéis no Brasil. 

“Nosso objetivo é democratizar o acesso à ferramentas de RM. Por isso, queremos iniciar com pequenos hotéis que já tenham a cultura de análise de dados de receita, cujo trabalho seria muito facilitado pela nossa ferramenta, que pode poupar até oito horas de trabalho por semana para o profissional de RM”, ressaltou o gerente. 

Climber: análise para grupos

Outra funcionalidade que a Climber oferece à hotéis, é a análise profunda do impacto de reservas para grupos. “O Group Displacement é capaz de juntar os dados de reserva, gastos e comportamentais de determinado grupo, seja corporativo, de eventos, ou lazer. Assim, o hoteleiro sabe como aquele grupo vai afetar a ocupação, se vai impactar positivamente a receita, ou se seria mais lucrativo negar a reserva para esse grupo e disponibilizar nos canais de reserva”, explica Gameiro. 

Depois no Brasil, a empresa pretende avançar para a Argentina.

(*) Crédito da foto: Juliana Stern/Hotelier News

Comentários