Equipotel: robô cortador de grama da Husqvarna otimiza tempo e mão de obra

equipotel- husqvarnaRobô funciona a bateria e recarrega sozinho

A sueca Husqvarna cria soluções para a manutenção de áreas verdes e, pensando em otimizar tempo, mão de obra e ainda oferecer uma operação mais sustentável, lançou o Automower - robô cortador de grama. Em entrevista ao Hotelier News, durante a 57ª edição da Equipotel, aberta hoje (10), o gerente de Vendas Nacional, Pedro Quevedo, explicou como o produto funciona.

“O robô trabalha 24 horas por dia, sete dias por semana, conforme a programação feita. O cliente escolhe a altura da grama, controla o crescimento de ervas daninhas e realiza a manutenção a cada quatro meses”, explica. Segundo Quevedo, após o investimento inicial no produto e instalação, a única peça que precisa ser trocada é a lâmina, por R$ 7,00. “Esse valor a cada quatro meses é um custo de R$ 45,00, ou seja, praticamente nada”, ressalta.

Outra economia relevante é na mão de obra. Uma vez instalado, o robô faz todo o trabalho. “Se antes eram necessárias duas pessoas duas vezes por semana, isso acaba. A manutenção da grama fica totalmente automatizada”. Além disso, o Automower é movido a bateria, quase não consome energia elétrica e não libera gases na atmosfera. “Quando ele chega aos 15% de bateria, retorna sozinho para a base e volta a trabalhar depois de carregado”.

Equipotel: pesquisa e inovação

Segundo o gerente, a marca investe forte em pesquisas e modernização de seus produtos. Só no Automower foram 20 anos de desenvolvimento até chegar na versão final. “Hoje, 35% das despesas globais da Husqvarna são reinvestidas  em pesquisas de desenvolvimento, principalmente nas áreas de robótica e bateria, que acreditamos ser o futuro do mercado”.

A Husqvarna atua em diversos países do mundo e, no Brasil, fornece cerca de 50 produtos diferentes. “A hotelaria representa cerca de 15% do nosso faturamento total. Na América Latina, atuamos no Brasil, Colômbia, Peru, Equador, México e Argentina”. 

(*) Crédito da foto: Nayara Matteis/Hotelier News

Comentários