Expresso XXI: um ano de operação em Belém do Pará

 
A entrada do Expresso XXI
(fotos: Karina Miotto)
Em uma tarde quente do inverno amazônico (isso mesmo o que você acabou de ler), a equipe do Hôtelier News adentrou a recepção do Expresso XXI Nazaré, um dos hotéis do Grupo Solare em Belém do Pará que, em maio, completou um ano de operação.

 

Durante o trajeto para o Expresso XXI (uma caminhada tranquila), a reportagem do HN passou por ruas arborizadas cheias de mangueiras seculares, que compõem o cenário de uma das regiões mais nobres da cidade, o bairro Nazaré. O hotel, muito bem localizado, fica na esquina da Travessa Rui Barbosa com a Avenida Nazaré e próximo à Braz de Aguiar, rua repleta de lojas refinadas, bons restaurantes e bares. Paulistanos que moram aqui chegam a comparar esta parte de Belém com o bairro Jardins, em São Paulo.
Conheça o hotel, a avaliação deste primeiro ano e sabia quais são os próximos planos do Grupo Solare para a cidade, ainda em 2010. 
Por Karina Miotto*
Esta é a área externa do hotel, de frente para a rua
As mangueiras centenárias da cidade também são enormes
 

 

Adentrando ao empreendimento, logo após a porta giratória, no lobby, os clientes são brindados com sofás, mesa com um jornal local para leitura, TV de plasma e poltronas muito confortáveis – 'parece que te abraçam', conta a hóspede Neuza Ambrosio. Na recepção, vemos colaboradores prestativos e simpáticos. 
Ana Paula Maia e Marcio Marques são os recepcionistas do hotel
 
Eis o lobby visto de cima, antes e depois de uma leitura de jornal
 
          É, pelo visto esta poltrona é realmente bem confortável, dona Neuza! Ainda no térreo, um belo quadro chama a atenção. A mostra em foto sépia (estilo envelhecida), demonstra a belíssima Estação das Docas e está localizada próxima do elevador. Ele abre as portas e fica claro que a segurança do empreendimento começa antes mesmo de o hóspede chegar ao quarto – o elevador só obedece ao comando de dirigir-se ao andar designado depois de submetermos a chave do quarto a uma leitura ótica.
O elevador tem um monitor, onde vemos alguns anúncios e as principais notícias do dia
À esquerda, a famosa Casa das Sete Janelas. À direita, a Igreja de N. S. Nazaré

 

As 100 unidades habitacionais do Expresso XXI possuem ar condicionado split, cofre eletrônico, colchão box spring, mesa e cadeira, frigobar, internet wi-fi (de graça para uso com velocidade até 64Kbps), telefone e TV a cabo com tela plana. A cidade é quente, mas isso não impede que o hóspede aproveite a ducha do banheiro em um banho aquecido e relaxante, pois os jatos d'água caem bem fortes.
Quarto double, ambiente aconchegante
 
Estas são as amenidades oferecidas, ficam sobre a mesa...
 
...onde é possível trabalhar, com internet wi-fi
O banheiro é pequeno, limpo e a ducha... é maravilhosa!
Sabonete do banheiro: bem-vindo!
Um passeio por outras partes do hotel revelam o bom gosto da decoração e o incentivo à arte. No mezanino - onde ficam três computadores do business center e duas salas para reuniões que, juntas, podem receber até 12 pessoas - há uma parede onde pode-se ver uma obra do artista plástico paraense Jocatos. Vista de longe, lembra um jacaré. Ainda nesta parte do meio de hospedagem, o que também chama a atenção é o belo e enorme lustre.
Do mezanino, vemos o lobby e a entrada do hotel
Detalhe do lustre - o Expresso XXI tem muitos objetos interessantes para boas fotos
 

 

 
Business center, com três computadores
As salas de reunião comportam até seis pessoas cada
Ao fundo da sala vemos o Polo Joalheiro de Belém, antes um antigo presídio
Seguindo por um corredor, vemos mais quadros. Todos, inspirados em paisagens amazônicas, formam uma série chamada 'Amazônia' e também são do artista plástico Jocatos. Estão à venda e cada um custa R$ 300. "Fazemos rodízio entre os artistas regionais, cada um pode expor suas obras no hotel por um período que vai de quatro a cinco meses", explica Fábio Abreu Santos, gerente geral do empreendimento. Se caminharmos por todos os andares, veremos mais quadros com fotos de diferentes pontos turísticos da cidade.  
Detalhe do nome da obra
É verdade, a estrutura lembra um jacaré!
 

 

A tranquilidade causada pelas obras de arte chega a ser relaxante - afinal, quem não relaxa a mente, pelo menos um pouquinho sequer, ao observar uma bela obra?
Não parece uma galeria de arte?
As obras que você vê agora fazem parte da série 'Amazônia'
Para onde a sua imaginação te leva com essas imagens?
Seria a floresta em chamas?
Lembram as casas de nativos norte-americanos...
Finalmente, mas um nascer do sol...e você, o que acha?
A precisão geométrica pode ser uma homenagem ao artesanato local
Para completar o quadro de opções de relaxamento, o Expresso XXI também possui fitness center composto por alguns aparelhos, além de sauna a vapor e piscina (10m x 4m). Para alegria de não fumantes, em toda a área do hotel é proibido fumar.
Nesta piscina é possível até treinar natação, para quem sabe nadar
Também é possível beber um drink ao abrigo da luz
 
 
Detalhe de uma das plantas da área da piscina
Você vê isso mesmo: uma pessoa correndo para pegar uma bola, na parede ao fundo!
Mais uma obra de arte, e no fitness center!
Gastronomia
O restaurante terceirizado escolhido para servir aos hóspedes do Expresso XXI chama-se 'Treviso', nome de uma linda cidade italiana muito próxima de Veneza, na Itália. Com capacidade para 80 pessoas, serve almoço e jantar. Possui pratos a la carte com ingredientes regionais, como Bacalhau XXI (posta de bacalhau assada marinada em ervas e legumes), Pescada Paraense (com escamas de batata, molho de tucupi e risoto de castanha do Pará), saladas, carnes, risotos, massas, porções, sobremesas e sanduíches, como o Cheese Frango (que acompanha pão francês, queijo, salada e fritas) e Light (pão de forma integral, queijo branco, peito de peru e salada). No café da manhã, são servidos alguns pratos regionais, como tapioca molhada com côco e suco de cupuaçu, além de pães, bolos, mingau, ovos mexidos e frutas. 
O café da manhã já está pronto às 5h30 da manhã
Tudo é produzido com carinho...
 
e cuidado...
...por uma equipe de sete pessoas...
 
...que chegam para trabalhar...
...às 23h do dia anterior
Estes bolinhos de goiabada são muito gostosos
Suco de laranja, cupuaçu ou goiaba?
Também vale provar a salada de frutas
E até uma sopinha!
 
                        Detalhe da salada de frutas e da sopa
 Josimar Pinheiro é uma das pessoas que entra às 23h para preparar este café da manhã delicioso
Mercado
Os meses de maior ocupação do empreendimento são de março a maio, e agosto a novembro. A diária média é de R$ 210 e a ocupação média é de 70%. O Expresso XXI acaba de completar um ano e há muito o que comemorar. “Crescemos acima do esperado, fechamos ótimos negócios, os resultados foram tão positivos que vamos inaugurar novos hotéis na cidade”, declara Fabio.  
Fabio Abreu, um simpático e competente gerente geral: hora de comemorar as vitórias e de trabalhar por mais conquistas no futuro

 

O hotel é administrado pelo Grupo Solare. Fundado em 1995, possui cinco bandeiras: Gran Solare (luxo), L'authentique (boutique), Solare Hotéis e Suítes (midscale), Expresso XXI (econômico) e Soft Inn (supereconômico). O anuário 2007-2008 preparado pela revista Exame o classificou como o terceiro maior investidor das regiões Norte e Nordeste em quantidade de empreendimentos.

 

O Grupo possui hotéis no Maranhão e no Pará e, ainda este ano, lançará mais dois empreendimentos em Belém, o Gran Solare Connext da categoria luxo, com 127 UHs no bairro Umarizal e o Soft Inn, categoria supereconômico com 256 acomodações, no bairro Batista Campos, ambos em regiões nobres da cidade.
Luis Otavio Costa Campos é auditor operacional do Grupo Solare. "Iremos operar 23 hotéis até 2014. E, até o final de 2010, inauguremos mais 10 empreendimentos!", comemora.
Serviço

Expresso XXI Nazaré

Avenida Nazaré, 569 - Bairro Nazaré - Belém - PA

www.gruposolare.com.br
*A equipe do Hôtelier News hospedou-se do Expresso XXI à convite do hotel.

Comentários