Fairmont promove show de luzes no céu de Copacabana

FairmontEmpreendimento promete surpresas na noite de Réveillon

As festas de final de ano ficarão ainda mais especiais no Rio de Janeiro. Entre os dias 26 de dezembro e 2 de janeiro, o Fairmont Rio de Janeiro Copacabana promoverá um show de luzes no céu da praia mais disputada na noite de Réveillon. Batizada de “Farol do Rio”, a atração começará sempre às 20h.

O espetáculo é criado a partir de 20 spots de alta resolução e as luzes podem ser vistas de diferentes pontos da capital fluminense. Na noite do dia 31, o empreendimento da Accor afirma que preparou algumas surpresas para a virada do ano. 

“Localizado no coração do Rio, o Fairmont Copacabana veio com a missão de estabelecer conexões genuínas com a cidade. Por isso resolvemos oferecer este espetáculo visual como um presente aos cariocas e aos turistas que escolheram vir até a nossa casa para se despedir do ano que passou e celebrar a chegada de 2020”, explica Netto Moreira, diretor geral do Fairmont Rio de Janeiro Copacabana. “Nosso objetivo é que as luzes alcancem e deslumbrem o maior número de pessoas possível, podendo ser vistas de vários lugares do Rio, como um presente para a cidade”, completa.

Em 2018, a fachada do hotel recebeu projeções de imagens do Rio enviadas pelo público durante a noite de Réveillon, além da contagem regressiva para a chegada de 2019. Já no carnaval, a marca de luxo da Accor emoldurou alguns dos mais icônicos cartões postais da cidade e convidou cariocas e visitantes a participarem da paisagem. Nas duas ações, a população foi convidada a compartilhar os seus momentos.

Fairmont: o hotel

Aberto oficialmente em novembro, o Fairmont Rio de Janeiro Copacabana é o primeiro hotel da marca na América do Sul. Com design inspirado na cultura carioca dos anos 50. Foram dois anos de obras para que o projeto ganhasse vida. São 375 quartos com varandas, sendo 68 suítes, duas piscinas, Spa e Fitness Center. Além de um Centro de Convenções e Eventos Sociais com 13 salas de reuniões distribuídas em 1,5 mil metros quadrados.

(*) Crédito da foto: Rômulo Fialdini/Accor

Comentários