Gabriela Otto: Cuidado com o Gerente Ocupado


Gabriela Otto
(foto: arquivo pessoal)

Você sabe como os líderes do seu hotel passam seu tempo no trabalho? Deixa eu adivinhar: 

Sua expectativa: eles lidam com questões estratégicas, com foco na redução de custos, criam abordagens criativas para ampliar o share de mercado, sempre minimizando o impacto daquele novo concorrente que acabou de abrir a algumas quadras.

Realidade: Eles correm de reunião em reunião, verificam seus emails milhares de vezes ao dia, extinguem fogo após fogo, e fazem incontáveis ligações telefônicas. 

Acertei?
Se você costuma ouvir muitos dos seus líderes reclamando da falta de tempo, ATENÇÃO! Um estudo excelente da Harvard Business School estudou gestores de diversas empresas por 10 anos, e a conclusão foi estarrecedora. 90% dos gerentes desperdiçam seu tempo em atividades ineficazes.

Os gestores que ‘fazem acontecer’ precisam de duas coisas: FOCO e ENERGIA. 

Conheça os 4 tipos de Gestores

Tenho certeza que você vai encontrar vários deles no seu ambiente de trabalho, ou talvez até se identificar:

1. O Procrastinador  – 30% dos gerentes estudados. 

Características: Energia BAIXA. Foco BAIXO.

  • Fala coisas como: ‘Eu poderia ter feito, mas...’
  • Executa tarefas de rotina, mas não toma a iniciativa. Ou seja, não eleva sua performance e não se envolve com a estratégia;
  • Quanto mais próximo do prazo, mais se ocupa de outros projetos menos importantes;
  • Pode ser inseguro, com medo de falhar;
  • Pode ter sido repreendido no passado quando demonstrara iniciativa, e agora acredita que qualquer esforço que fizer será derrubado.

2. O Desengajado – 20% dos gestores estudados.

Características: Energia BAIXA. Foco ALTO.

  • Está literalmente exausto, e não conseguem se reenergizar internamente;
  • Não consegue se comprometer com tarefas com pouco significado para ele. Ou seja, não gosta de novidades. 
  • Negação – ao invés de reconhecer e resolver um problema, se convence que o problema não existe.
  • Ansiedade, insegurança, raiva, frustração, alienação. Ou seja, faz o mínimo.
  • Mesmo com baixo nível de energia, sofre de ‘burnout’ (ponto máximo de estresse profissional).

3. O Distraído – 40% dos gerentes estudados

Características: Energia ALTA, Foco BAIXO

  • Bem intencionado, mas sem foco. Ou seja, confunde movimentação;
  • Quando sob pressão, sente necessidade desesperada de fazer alguma coisa;
  • Não para para refletir;
  • É míope, e se torna sobrecarregado;
  • Adora combater incêndios, mas abandona projetos, quem sabe passando a responsabilidade para alguém.

Obs.: Diretores agressivos tem maior probabilidade de criar gestores distraídos.

4. O Proposital – 10% dos gerentes estudados

Características: Energia ALTA. Foco ALTO

  • Alcança metas críticas de longo prazo com mais frequência;
  • É mais auto-consciente;
  • Escolhe seus objetivos e batalhas com mais cuidado;
  • Convencidos que a empresa precisa dele;
  • Consciente do valor do tempo;
  • Pode recusar a responder emails, receber visitantes ou fazer ligações fora;
  • É comum se exercitar, ter seu ‘tempo para pensar’, compartilhar frustrações ou pensamentos, ou tem hobbies. Enfim, investem no seu bem estar.

Em resumo, os 3 primeiros tipos se sentem constrangidos por forças externas: seus pares, seus chefes, seus salários, suas descrições de cargo. Eles levam em conta tudo isso quando decidem o que é viável ou não. Ou seja, eles funcionam de fora para dentro.

Já os ‘propositais, decidem primeiro o que devem alcançar, e só depois trabalham o externo. Assim conseguem ampliar suas escolhas e capacidade de agir.

Agora posso repetir a pergunta: ‘Você realmente sabe como seus líderes gastam o tempo no trabalho?’
Acredite, talvez boa parte dos seus problemas de produtividade e performance podem ser um reflexo desses comportamentos. Fique atento!

"Se você quer construir um navio, não chame as pessoas para juntar madeira ou atribua-lhes tarefas e trabalho, mas sim ensine-os a desejar a infinita imensidão do oceano."

Antoine De Saint-Exupéry

** Gabriela Otto é formada em Comunicação Social pela PUC/RS, Pós em Marketing pela ESPM e MBA Executivo pela FAAP/SP, além de inúmeros cursos de qualificação profissional, incluindo uma certificação internacional para Leadership Development Trainer. Com 20 anos de trajetória em Marketing, Formação de Pessoas, Vendas Estratégicas, Canais de Distribuição e Revenue Management, Gabriela tem experiências marcantes em empresas como Caesar Park, InterContinental, Sofitel Luxury Hotels e Worldhotels, sendo responsável pela divisão América Latina nas duas últimas. Atualmente é Sócia Diretora da GO Associados, empresa especializada na Capacitação de Pessoas, Marketing, Mercado de Luxo e Hotelaria & Turismo. Além disso é Palestrante, Articulista, Blogueira e Professora da ESPM e outras universidades de renome.

Contato
www.gabrielaotto.com.br

 

Comentários