Grupo diRoma investe R$ 4,9 mi em reformas de dois hotéis em Caldas Novas (GO)

Perspectiva de como ficará a piscina do diRoma Fiori

O grupo diRoma, sediado no centro-oeste brasileiro, continua o cronograma de modernização em seus empreendimentos situados em Caldas Novas. Agora, é a vez do diRoma Fiori ter uma renovada área de lazer, além de ver seu espaço de alimentos e bebidas (A&B) ser ampliada. Simultaneamente, o hotel Império Romano passará por reformas na sua fachada, projeto que também inclui a modernização de corredores de acesso aos apartamentos. Ambas intervenções acontecerão em duas etapas e com o mínimo de interferência na rotina de operação dos empreendimentos.  O investimento total aproximado é de R$ 4,9 milhões. 

Grupo diRoma inicia primeira etapa no período de baixa temporada 2018 

Entre um período de dois meses - 6 de agosto a 10 de outubro - acontece a primeira etapa da revitalização da fachada do hotel Império Romano. O retorno é estimado para o mês de fevereiro de 2019 com finalização prevista para junho do mesmo ano. “Na fachada faremos a impermeabilização dos tijolos aparentes, retirada das caixas de concreto de suporte para os aparelhos de ar condicionado, pintura das partes em textura, pintura dos guarda corpos dos apartamentos 80e limpeza das colunas aparentes”, conta Aparecido Sparapani, superintendente do Grupo diRoma. Na segunda etapa, os corredores de acesso aos apartamentos passarão por pintura, troca de pisos e substituição das luminárias.  O custo total aproximado do investimento é de R$ 800 mil.

Na primeira etapa das obras no diRoma Fiori, que deve ser finalizada em meados de novembro, 70% da área de lazer será reformulada. Essa interdição parcial foi planejada para que os hóspedes continuem aproveitando as piscinas do hotel. “Além de optar pelas reformas na baixa temporada, elaboramos um cronograma com pausas que respeitam a época das chuvas, final de ano, alta temporada e a taxa de ocupação por período. Assim foi definido que dividir as reformas em duas etapas comprometeria o mínimo possível a rotina de atendimento nos hotéis, e em praticamente nada na experiência de hospedagem dos visitantes”, explica Sparapani.

O executivo revela ainda que “os 30% restantes ficarão para a segunda etapa, que deve ser entregue até o dia 20 de dezembro". O valor estimado dessa modernização está previsto em cerca de R$ 4 milhões, incluindo nesse montante a já finalizada revitalização dos jardins.

Uma companhia turística de números e visão de futuro

O Grupo diRoma tem participado ativamente do crescimento do turismo de Caldas Novas. A cidade, com talento para o turismo familiar, foi escolhida como sede das 12 opções de hospedagem do grupo e para a expansão dos empreendimentos diRoma. Em 2019, a inauguração do Piazza diRoma pontuará que a cidade tem cenário promissor para o mercado de luxo. Para esse novo hotel, o investimento estimado é de R$ 35 milhões.

A sequência dos projetos de modernização e expansão prevê a entrega, até junho de 2019, de novas atrações no Acqua Park, principal parque aquático de Caldas Novas. A continuidade das obras do Spazzio diRoma, com inauguração prevista para 2022, além de outras ações pontuais de renovação nos hotéis da cidade.

(*) Crédito da imagem: divulgação/Marsi Comunicação

Comentários