HFN: Ilha da Tecnologia terá palestras com especialistas

HFN - Claudio Cordeiro da TOTVSCordeiro abordará o conceito da transformação digital

Responsável pela Ilha de Tecnologia da HFN (Hotel & Food Nordeste), o Hotelier News confirmou as palestras que serão realizadas no espaço. O ciclo de debates terá a participação de executivos dos expositores presentes: All Points Hotel Rewards, ASSA ABLOY Hospitality, TravelClick e TOTVS. A HFN começa amanhã (3), a partir das 15h, no Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda (PE).

O ciclo de palestras na Ilha de Tecnologia começa logo após a abertura da feira, às 16h, prosseguindo até às 18h. Pilar Osorio e Paulo Mendes, da TravelClick, abrem os debates, abordando o tema “Como melhorar a participação de suas reservas diretas na era digital”. Na sequência, Cláudio Cordeiro, da TOTVS, fala sobre a “Hotelaria 4.0: como a tecnologia impacta na experiência do hóspede e na gestão hoteleira”.

Destacando o assunto “Acesso Mobile: diminuindo custos para os hoteleiros”, Sebastian Barrionuevo, da ASSA ABLOY Hospitality, fala a seguir. Com a palestra “Fidelizando seus hóspedes e reduzindo as altas comissões”, Marcelo Bicudo e Schirlley Azevedo, da Allpoints Hotel Rewards, fecham a programação, que vai se repetir na quinta-feira e na sexta-feira.

“Temos um objetivo duplo com o espaço e as palestras. O primeiro é proporcionar networking entre o público e as marcas presentes. O segundo, claro, é levar mais conhecimento para o mercado, que está mudando de maneira acelerada de carona na tecnologia”, afirma Peter Kutuchian, CEO do Hotelier News.

HFN: Ilha da Tecnologia

Em sua palestra, Barrionuevo abordará o impacto do mundo digital na operação dos hotéis. “Mostrarei como o mercado vem mudando rapidamente, em especial no segmento de fechaduras, que vem se desenvolvendo e agregando novas soluções. Hotéis são negócios pensados no longo prazo, então, tecnologia para o setor deve ser a prova de futuro”, diz.

Já Cordeiro, da TOTVS, explica que a apresentação é alicerçada em dois eixos principais. “O primeiro é a influência da transformação digital no mercado hoteleiro. O segundo é a segmentação que ela vai gerar no mercado”, afirma o executivo. 

“A partir da base de dados do CRM, por exemplo, os hotéis estarão aptos a personalizar o atendimento ao hóspede de uma maneira nunca antes vista. Isso vai levar a indústria como um todo a se segmentar cada vez mais, atendendo a clientes que se encaixam às suas características de atendimento, faixa tarifária e localização”, finaliza.

(*) Crédito da capa: Geralt/Pixabay

(*) Crédito da foto: Vinicius Medeiros/Hotelier News

Comentários