HFN realiza roadshow pelo Nordeste

HFN- roadshowTatiana Menezes, Rodrigo da Fonte e Carol Baía - diretores da feira

Com o intuito de promover a edição 2019 e oferecer conteúdos relevantes ao mercado de hotelaria e alimentação, a HFN (Hotel & Food Nordeste) vai realizar o roadshow deste ano pelo Nordeste entre os dias 29 de julho e 8 de agosto. Serão seis estados e sete cidades visitados com a expectativa de público de 130 pessoas em cada destino.

O roadshow 2018 percorreu 1,2 mil km, em quatro estados e cinco cidades, reunindo profissionais dos mercados em questão. O evento itinerante levou quatro palestras e dois cursos para mais de 570 compradores qualificados e, nesta edição serão três palestras e debates com inscrição prévia gratuita.

Maceió (AL), Recife (PE), João Pessoa (PB), Caruaru (PE), Salvador (BA), Fortaleza (CE) e Natal (RN) receberão as palestras: ‘Ferramentas digitais imprescindíveis para o seu bar e restaurante’, com Matheus Lessa, influencer do setor de alimentação; ‘Dos sonhos as reservas diretas, a transformação da experiência do viajantes’, comandada por Maycon Gabry, CEO da Markweb e ‘Cases de Hotéis Digitais no Mundo’, com Peter Kutuchian, CEO do Hotelier News.

“O roadshow começou como uma divulgação, mas aos poucos percebemos que esses mercados precisam de conteúdos.Assim, o evento itinerante ganhou vida própria”, explica Tatiana Menezes, diretora da HFN. “São setores que estão em constante mudança e carecem de atualizações, então levamos cursos e palestras para profissionais dos segmentos”, salienta.

Segundo Tatiana, a curadoria dos conteúdos é feita por meio de consultas e pesquisas com a ABIH e Abrasel- apoiadoras do evento, avaliando quais temas estão em alta para serem discutidos nos destinos visitados. “Também realizamos uma pesquisa informal em grupos do whatsapp e profissionais do trade”, explica.

HFN: edição 2018

No ano passado, o Centro de Convenções Pernambuco, em Olinda, recebeu cerca de 11 mil visitantes. Durante os três dias de evento, a HFN contou com 120 expositores e, para este ano, a expectativa é atingir, no mínimo, o mesmo resultado do ano passado. “Para a edição 2019 esperamos crescer 30% comparado a 2018”, diz Tatiana. 

(*) Crédito das fotos: Divulgação/Hotel & Food Nordeste

Comentários