Hotéis de Maringá não podem mais hospedar diante de novo decreto

maringá- pixabayHotéis têm até 48h para serem fechados

Diante do decreto divulgado pelo Ministério da Saúde nesta sexta-feira (20) “que declarou a condição de transmissão comunitária do coronavírus (covid-19) em todo o território nacional”, os hotéis não podem mais receber hóspedes em qualquer circunstância. O Secretário Municipal de Saúde, Jair Biatto, explicou que diante desse novo cenário, não há como os hotéis se manterem abertos. “As pessoas já hospedadas não vão ser mandadas embora, mas os hotéis não podem mais receber novos hóspedes, então acredito que dentro de 24h, no máximo 48h, todos os hotéis terão que estar fechados”, disse.

Na manhã deste sábado (21), fiscais da prefeitura de Maringá já compareceram em hotéis informando o fechamento dos estabelecimentos. “Recebemos pela manhã fiscais que informaram que a partir de hoje está proibido hospedar novas pessoas no hotel. Eles pediram a lista de hóspedes na casa e avisaram que todos os dias vão passar fiscalizando. Já tínhamos nos programado para fechar o hotel a partir da próxima quarta-feira, mas diante desse novo cenário hoje já estamos nos mobilizando para fechar. Vamos atender quem está hospedado e ver uma iniciativa para fecharmos”, informou um hoteleiro de um hotel da cidade que preferiu não se identificar.

Maringá: hotelaria

Biatto ainda falou da reunião realizada ontem com o setor hoteleiro, onde foi exposto para os hotéis a possibilidade de enviarem uma proposta a prefeitura para que os hotéis pudessem ser locados para o isolamento de pessoas com coronavírus. “Mencionei na reunião que esse cenário de fechar os hotéis ia acontecer mais cedo ou mais tarde, e sugerimos que eles fizessem uma proposta para a prefeitura para que pudesse ser feita alguma locação de hotel na estratégia de isolar pessoas”, explicou.

(*) Crédito da foto: Pixabay

 

Comentários