Hotéis Othon atribui à crise no turismo o fechamento de duas unidades

hotéis othon - salvador e belo horizonteUm dos hotéis com operações encerradas, o de Salvador

Na metade do mês passado, a rede Hotéis Othon surpreendeu o mercado hoteleiro nacional com o anúncio do fechamento de duas unidades. Tradicionais no portfólio, os empreendimentos de Salvador e Belo Horizonte não estão mais funcionando. A explicação para isso, segundo nota emitida pela empresa, é a "grave crise que o setor de turismo vem enfrentando desde 2015".

Ainda de acordo com o comunicado, a rede tentou ao máximo evitar os fechamentos, mas não teve êxito. Nessas tentativas, as lideranças dos hotéis lançaram mão de ajustes e reestruturações internas. Tais medidas carregavam a esperança de dar fôlego financeiro aos empreendimentos para mantê-los funcionando. 

"Mas o cenário econômico de profunda retração, este ano, não permitiu a retomada do crescimento do setor de turismo, infelizmente", diz o comunicado.

Nos desdobramentos dos fechamentos, a rede realizou uma mudança organizacional, promovendo executivos que já estavam na empresa a novos cargos. Nesse movimento, nomes como Bruno Heleno e Paulo Michel deixaram a empresa. 

Hotéis Othon: compromisso renovado

No mesmo comunicado, a companhia reafirma o compromisso com a gestão das outras propriedades de seu portfólio. Fundada há 75 anos, a empresa tem hotéis funcionando em Rio de Janeiro, São Paulo, Araraquara, São Carlos, Matão, Fortaleza, Natal, Recife e Macaé.

(*) Crédito da foto: Divulgação/Hotéis Othon

Comentários