Hotel Maksoud Plaza (SP) inaugura novo restaurante, sob o comando do chef Juca Duarte


Chef Juca Duarte e Otavio Golin, gerente de Operações. Ambos do Maksoud Plaza
(fotos: Peter Kutuchian)
(foto da capa:
Tiradito de salmão com melancia defumada divulgação/Analítica)

A cidade de São Paulo ganhou ontem (15), um novo endereço para os apreciadores da boa gastronomia com a inauguração do restaurante 150 Maksoud, uma alusão ao endereço do hotel na capital paulista e inserido no lobby do tradicional empreendimento paulistano, onde antes funcionava o famoso Café Brasserie - quem pode sair da balada e ir tomar café da manhã nesse restaurante que ficava aberto 24 horas? 

Na realidade, precisamos voltar no tempo para lembrar o tão importante marco que o Maksoud Plaza Hotel tem sido para a nossa querida Sampa. Inaugurado em dezembro de 1979, o empreendimento foi o primeiro e único hotel da cidade a ter cinco restaurantes. Vikings, de especialidade nórdica, o francês La Cuisine du Soleil, o especializado em grelhados, Arlanza Grill e o japonês Shintori, além do Brasserie. Todos lotados de quinta a domingo. Bons momentos!

Os tempos mudaram mas o Maksoud está vivenciando uma nova fase. Em 2015, o Hotel reformatou o bar do lobby, transformando-o no Frank Bar. Depois, trouxe o chef Juca Duarte para repaginar a gastronomia do empreendimento, quando iniciou, no último trimestre, a concepção do cardápio do 150 Maksoud. 

“Esta é mais uma etapa desta nova fase do hotel, que une tradição e contemporaneidade. O Juca é um jovem talento da gastronomia paulistana e tenho certeza que surpreenderá os clientes e hóspedes do hotel com seu trabalho”, diz Henry Maksoud Neto, presidente do Maksoud Plaza.

Foram quatro meses de trabalho, configurando receitas e principalmente atrelando novos fornecedores e ingredientes às receitas, apresentando uma cozinha de produtos com tom clássico e acento brasileiro. A inspiração do novo menu veio da antiga cozinha de mercado – que preza pelo uso de produtos da estação - implementada na França dos anos 1970, pelos artífices da Nouvelle Cuisine. “A qualidade e sazonalidade são fatores determinantes deste menu. Todos os pratos foram pensados valorizando a cozinha de produto”, explica o chef.


Berinjela defumada com amamissô e lagostim e o 
Polvo cozido a baixa temperatura com purê de castanha-do-pará ao molho de pequi e coentro

Hoje (16) o 150 Maksoud foi apresentado à imprensa, que pode degustar pratos como a Berinjela defumada com amamissô e lagostimo Tiradito de salmão com melancia defumada, o Polvo cozido a baixa temperatura com purê de castanha-do-pará ao molho de pequi e coentro, o Lámen vegetariano e o Orzotto de ervilha. De sobremesa, finalizamos com o Bolo de coco com curry e o sorvete de cacau. Bem apresentados, os pratos não eram apenas bonitos na sua forma, mas continham os sabores dos ingredientes de forma individual e conjunta. 

O restante do menu contempla peixes, carnes e massas. Os ceviches e sanduíches também estão presentes como o Hamburguer de costela com bacon, cebola caramelizada, cheddar, rúcula e fritas. O restaurante também oferece um menu degustação com uma mostra do melhor da casa. Já para os executivos da região da avenida Paulista, Juca Duarte preparou um almoço executivo com um prato especial a cada dia da semana, mantendo a tradição da gastronomia paulistana como o Virado à paulista, Bife à rolê, além de outros pratos típicos, mas sempre com outras duas opções diárias.


Lámen vegetariano e o Orzotto de ervilha

Para Otavio Golin, gerente de Operações do Maksoud Plaza, o objetivo é trazer o público local de volta para o Hotel. "O Maksoud Plaza sempre fez parte da vida social do cidadão paulistano e temos a certeza que iremos cumprir com a nossa meta que é duplicar o faturamento do restaurante", diz. 

O executivo revela que o faturamento do lobby bar, triplicou após a sua transformação no Frank Bar. "Com o sucesso que está sendo o Frank Bar, podemos perceber que estamos no caminho certo para fazer também do 150 Maksoud uma operação com êxito. Os pratos estão encantando nossos convidados e o chef Juca está se mostrando um talento e tanto", finaliza Golin.


Bolo de coco com curry e o sorvete de cacau

O horário de funcionamento do 150 Maksoud é o seguinte: café da manhã, de segunda à sexta, das 06h às 10h, aos sábados, domingos e feriados, das 06h às 11h. O almoço é servido todos os dias das 12h às 16h, e o jantar, de domingo à quinta, das 19h à 0h, e nas sextas e sábados, das 19h à 01h.

Serviço
maksoud.com.br

Comentários