IHG encerra 1º semestre com receita de US$ 13,6 bilhões

IHG- resultadosRede possui 5,7 mil hotéis ao redor do globo

A primeira metade do ano terminou com resultados positivos para o IHG (InterContinental Hotels Group). De acordo com dados divulgados pela rede, o período apontou receita total de US$ 13,6 bilhões - aumento de 2% comparado ao ano passado e 5% no CER. . Já o RevPar global apresentou incremento de 0,1% na mesma base de comparação. 

O RevPar das Américas também  cresceu 0,1%, enquanto Europa, Ásia, África e Oriente Médio tiveram incremento de 0,2% no indicador e China 0,3%. Os resultados refletem o melhor desempenho para o primeiro semestre da rede em aberturas e contratações e mais de uma década - com aumento de 5,7% no portfólio - o que representa mais de 5,7 mil hotéis em todo o mundo, totalizando 856 mil apartamentos. 

“Há dezoito meses, estabelecemos uma série de iniciativas estratégicas para impulsionar a aceleração do nosso crescimento. Nossa abordagem foi desenvolvida com base no fortalecimento das marcas já estabelecidas e adicionamos novas marcas nos segmentos de alta oportunidade, otimizando a proposta para nossos proprietários”, diz Keith Barr, CEO global da IHG. “Em um ambiente de crescimento de RevPAR mais lento, fizemos um progresso significativo, abrindo um número recorde de apartamentos no primeiro semestre, o que gerou um aumento de 5,7% no crescimento. É o nosso melhor desempenho em mais de uma década, com crescimento futuro sustentado pelo nosso maior nível de contratos no mesmo período”, complementa.

IHG: expansão

Seguindo com planos de expansão, o período contou com a cinco contratação para a Six Senses Hotels Resorts. Já para a bandeira voco, foram 21 hotéis assinados até o momento, o equivalente a 8 mil quartos. A IHG espera alcançar a marca de 30 assinaturas até o final do ano, com 10 mil quartos em pipeline. 

Segundo estudo realizado pela Lodging Econometrics sobre expansão hoteleira global, IHG, Marriott, Hilton e Accor detém 55% do pipeline mundial. A pesquisa compila as construções em diversos países e estão previstos 13,5 mil projetos (2,26 milhões de apartamentos) no mundo, alta de 6% frente a 2017 (+7% no número de quartos). Hilton, Accor, Marriott International e IHG (InterContinental Hotels Group).

(*) Crédito da foto: Divulgação/IHG

Comentários