Incêndio atinge telhado no pavilhão 3 do Riocentro

RioCentro Vista aérea do complexo de eventos carioca

Complexo listado entre os principais centros de convenções do Brasil, o Riocentro, no bairro de Jacarepaguá, foi atingido por um incêndio na noite de ontem (29). As chamas foram provocadas por um balão e concentraram-se no telhado do pavilhão 3. 

O fogo começou por volta das 21h e, duas horas depois, foi controlado pelo Corpo de Bombeiros, que seguiram com o trabalho de rescaldo madrugada adentro.

Segundo informado pela assessoria de comunicação do complexo ao Hotelier News, não havia eventos ocorrendo no local no momento do incidente. Ninguém ficou ferido e, por enquanto, ainda não é possível mensurar os prejuízos.

Comunicado do Riocentro 

Em nota oficial, a GL Events, gestora da propriedade, confirma que um balão ocasionou as chamas. A empresa reforça que não é a primeira vez que isso ocorre e destaca a ação rápida para solucionar o problema. 

Confira abaixo o comunicado emitido pelo complexo:

"A impunidade faz com que gangues infrinjam as leis todos os anos nas mesmas regiões da cidade e na mesma época do ano sem qualquer receio de punição. Pela falta de combate a este tipo de crime e o aumento das ocorrências ano após ano, a GL events, empresa responsável pela gestão do centro de convenções, passou a investir em mecanismos para tentar minimizar os efeitos de ações criminosas como a ocorrida neste domingo.

Desde 2017, quando mais de 12 balões caíram no Riocentro e um deles atingiu o telhado do pavilhão 2, a empresa passou a deixar uma equipe de brigadistas de plantão no telhado do hotel do centro de convenções para monitorar os céus e acionar a brigada do Riocentro e o Corpo de Bombeiros o mais rápido possível. Foi o que ocorreu neste domingo. Mas mesmo com a ação rápida e o telhado sendo revestido com uma manta própria para retardar incêndios, os bombeiros tiveram dificuldades para combater as chamas".

(*) Crédito da foto: Divulgação/Riocentro

Comentários