Jonas Rodrigues assume novo desafio na Nobile Hotéis

Jonas RodriguesRodrigues tem agora seu primeiro desafio na hotelaria de lazer

Em dezembro de 2018, o Nobile Resort Thermas de Olímpia (SP) ganhou um reforço em sua equipe. O empreendimento, que faturou R$ 14 milhões no ano passado, anunciou Jonas Rodrigues como gerente Operacional. O profissional, na verdade, foi promovido e já atuava na Nobile Hotéis desde 2016.

Rodrigues chega à unidade, integrada ao portfólio da Nobile no início de 2018, em um novo momento do resort. Agora, na nova função, tem como principais atribuições acompanhar as redes sociais do resort e as avaliações nas OTAs. Além disso, atua para garantir rapidez no atendimento aos clientes, do momento da reserva ao check-out. Criação de estratégias para os setores Operacional e Financeiro também está no escopo do seu trabalho.

“Como essa é minha primeira experiência no segmento de lazer, meu desafio inicial está sendo entender o público”, revela Rodrigues. “Além disso, um resort passa por um período maior de baixa temporada, então é necessário compreender essa dinâmica para saber como agir nessas situações. De qualquer forma, o cliente não pode ter sua hospedagem afetada, e minha missão é garantir isso”, completa.

Jonas Rodrigues: carreira

Formado em Administração com ênfase em Comércio Exterior pela Anhanguera, o profissional começou como jovem-aprendiz no Grand Meliá Mofarrej (atual Tivoli Mofarrej). Depois de um ano e dois meses, transferiu-se para o TRYP Berrini, hotel convertido pela Atlantica Hotels em janeiro, onde atuou por sete anos. Na unidade, passou por várias funções, incluindo mensageiro, auxiliar de recepção, recepcionista e, por último, chefe de recepção.

Seu último trabalho antes de ingressa na Nobile, em outubro de 2016, foi no TRYP Jesuíno Arruda, como chefe de Serviços. Uma vez na rede de Brasília, atuou na chefia da recepção no Nobile Suites Congonhas por pouco mais de dois anos, sendo recrutado a seguir para participar de implementações de empreendimentos em São Paulo, Rio Branco, Guarujá (SP) e Campinas (SP).

“Fui bem quando fui cotado para atuar nos hotéis em desenvolvimento e, dessa forma, recebi o convite para subir de cargo e ir à Olímpia”, finaliza. “Agora, tenho um novo desafio pela frente e estou bastante motivado para aproveitar essa nova oportunidade profissional”, finaliza.

(*) Crédito da foto: Divulgação/Nobile Hotéis

Comentários