Lançamento de Norma para Gestão da Sustentabilidade em Eventos acontece em São Paulo no dia 13

(foto: abbtursp.com.br)

Está marcado para o próximo dia 13, a partir das 19h, o lançamento da ABNT NBR ISO 20121:2012 - norma de gestão que visa favorecer o uso de práticas sustentáveis na organização de eventos de qualquer natureza. Seu lançamento, seguido de coquetel, será no Centro de Convenções Rebouças, em São Paulo. A norma internacional ISO 20121, que teve a participação de 35 países, tendo a Inglaterra na coordenação e o Brasil, através da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), na secretaria geral, foi utilizada para que a Olimpíada de Londres fosse organizada de maneira sustentável. Por conta dos esforços de diversas associações, entidades e órgãos governamentais brasileiros ligados direta ou indiretamente à área de eventos, e que tiveram participação ativa na elaboração, a norma foi traduzida e publicada. A previsão é de que ela seja utilizada para a organização da Copa de 2014 e da Olimpíada de 2016, ambas sediadas no Brasil. De acordo com Daniel de Freitas, diretor de Sustentabilidade do IBEV (Instituto Brasileiro de Eventos), chefe da delegação brasileira e coordenador da ABNT/CEE 142 (Comissão de Estudo Especial de Sustentabilidade na Gestão de Eventos), que participou da elaboração da ISO 20121, vale destacar que as regras são de cunho orientativo. “A Norma é por conformidade, e suas metas são voluntárias, porque dependem do caráter de cada evento”, afirma. Sua aprovação foi apenas a primeira etapa e, como toda norma, no decorrer do tempo passa por aperfeiçoamentos e adequações de acordo com a realidade de cada país. Descomplicada de ser implementada, a Norma auxiliará as empresas nas tomadas de decisões, no que diz respeito ao uso da sustentabilidade em suas atividades relacionadas a eventos. Ela se adequa aos diversos tipos e tamanhos de organizações envolvidas no projeto e execução de eventos, e acomoda diferentes condições geográficas, culturais e sociais. As empresas que têm o interesse de promover eventos em conformidade com a ISO precisam, em primeiro lugar, definir as questões internas e externas relevantes à sustentabilidade e à finalidade de seu evento. Nesse contexto, a organização deve identificar quais os públicos de interesse com relação a seus eventos e, a partir daí, adotar procedimentos para avaliar os impactos nos âmbitos ambiental, social e econômico gerados de / para esses públicos. O lançamento tem o apoio e participação das seguintes entidades: ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas); Abeoc (Associação Brasileira de Empresas e Eventos); ABEVT (Academia Brasileira de Eventos e Turismo); ABIH (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis); Abraccef (Associação Brasileira dos Centros de Convenções e Feiras); Abrafesta (Associação dos Profissionais, Serviços para Casamento e Eventos Sociais); Ampro (Associação de Marketing Promocional); Braztoa (Associação Brasileira das Operadoras de Turismo); Ibev (Instituto Brasileiro de Eventos); Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia); Sindoprom/SP (Sindicato das Empresas de Promoção, Organização e Montagem de Feiras); Ubrafe (União Brasileira dos Promotores de Feiras), e Secretaria de Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo. Serviço www.abnt.org.br

Comentários