LVMH adquire a Belmond por US$ 3,2 bilhões

Belmond - Hotel das CataratasO Hotel das Cataratas faz parte do portfólio da Belmond

A LVMH Moët Hennessy Louis Vuitton, uma das líderes mundiais, quando o assunto é luxo, adquiriu a Belmond. A transação chega a US$ 3,2 bilhões e deverá ser concluída no primeiro semestre de 2019. A operação ainda está sujeita à aprovação dos acionistas da Belmond e à liberação das autoridades competentes, que analisam o fator concorrência.

Fundada há mais de 40 anos, com a aquisição do Hotel Cipriani em Veneza, a Belmond é proprietária e operadora em 24 países, com seu portfólio de 46 experiências em hotéis, trens e cruzeiros fluviais. No Brasil, ela atua em dois empreendimentos ícones, Copacabana Palace, no Rio de Janeiro, e Hotel das Cataratas, no Parque Nacional do Iguaçu.

Outras propriedades emblemáticas da Belmond incluem hotéis como o Hotel Splendido, em Portofino; Le Manoir aux Quat'Saisons, em Oxfordshire; Grand Hotel Europe, em São Petersburgo; Maroma Resort & Spa, no México; e Cap Juluca, em Anguilla.

Belmond entra no portfólio dos Hotéis Bvlgari

Roeland Vos, presidente e CEO da Belmond, diz que a aquisição é o resultado da forte execução da visão estratégica da empresa. "É um desenvolvimento empolgante para todas as partes interessadas, incluindo nossos colaboradores. Estamos confiantes de que, como parte da família de marcas de classe mundial da LVMH, a capacidade da Belmond de fornecer experiências de luxo únicas e atemporais atingirá novos níveis”, completa.

Já, Bernard Arnault, chairman e CEO da LVMH, acrescenta que a Belmond oferece experiências únicas a viajantes exigentes e possui uma série de ativos excepcionais nos mais
destinos desejáveis. "O seu patrimônio e serviços inovadores, a sua excelência na execução e o seu empreendedorismo estão em sintonia com os valores do Grupo e são complementares às nossas operações na Cheval Blanc e nos hotéis Bvlgari. Esta aquisição aumentará significativamente a presença da LVMH no mundo da hospitalidade", finaliza.

(*) Crédito da foto: divulgação/Belmond

Comentários