Mercure Salvador: um encontro com o mar do Rio Vermelho

Fachada do Mercure Salvador num dia de sol primaveril
 (fotos: Cristiano Macchi)
Conta a lenda que foi na praia do Rio Vermelho, em Salvador, que o náufrago português Diogo Alvares Correia, o 'Caramuru', foi encontrado pelos índios tupinambás. Essa é apenas uma das histórias que envolvem o bairro mais boêmio da Bahia, reduto de Yemanjá, dos pescadores, intelectuais e também dos turistas, que têm uma lista de bons hotéis para ficar.No final da Rua Fonte do Boi, debruçado sob o mar, fica o Mercure Salvador, assim como mais dois grandes hotéis de rede. As características da bandeira Mercure todo o mercado sabe de cor. O que é novidade aqui na unidade baiana é o encontro com a vista privilegiada para o mar, reforçada por uma piscina perfeitamente projetada. O hotel é de negócios (80% do público é corporativo), mas com a vizinhança formada por bares e casas noturnas é quase impossível não conseguir tempo para uma esticada, mesmo nas estadas mais curtas. Conheça um pouco do hotel nas imagens abaixo.
Por Délia Coutinho*
A primeira visão ao entrar é o balcão da recepção...
 ...depois de passar pelo lobby. O pé direito alto ganhou um painel com imagem do Elevador Lacerda
 Pelas janelas do lobby já avistamos o mar
Os 175 apartamentos dividem-se entre Luxo e Superior. A única diferença é que o Luxo tem o 'luxo' da vista para o mar. Nas cabeceiras das camas sempre uma foto de Salvador em preto e branco
 Do outro lado, aparelho de TV LCD e mesa de trabalho. O hotel mantém um andar específico para fumantes. Não existem mais andares com carpete como no início da operação
 Um close no aparelho de TV, o mesmo modelo em todos os quartos. O acesso wifi é gratuito nos apartamentos e áreas sociais
Cofre digital e frigobar estão acoplados ao guarda-roupa
 Observe esta imagem de um casario antigo. Todas as fotos são do fotógrafo Iatã Canabrava. Detalhe simples e marcante da decoração
 
 Boas-vindas com o sabor de água de coco
 Novas amenities Mercure têm visual moderno
 Os banheiros são compactos, não tem banheira
 Chinelos para levar para casa
A PISCINA
  
 O fundo infinito confunde-se com o mar ...
...agora vista de cima. A área de lazer do Mercure é sempre bem frequentada
 Embora pequena, a piscina é um convite ao banho para apreciar a vista...
 
 ...ou degustar um drinque no bar molhado
 De lá conseguimos ver esse trecho chamado de Praia do Buracão, frequentada por um público mais alternativo
 
 Ouvimos uma excelente seleção musical na piscina, direto dessas caixinhas de som 'camufladas'
 Agora a noite: os coqueiros que ficam na área do hotel...
 ...ganham uma linda iluminação verde
RESTAURANTE DO CASARÃO
 O único restaurante tem 120 lugares, abertos a hóspedes e passantes. A varanda tem algumas mesas para quem prefere não ficar no ar-condicionado
 
 Internamente, a decoração segue o padrão da bandeira
 Este é o bar anexo ao restaurante aonde os hóspedes podem assistir TV
Agora vamos às imagens do tradicional café da manhã...
 ...onde não pode faltar a tapioca recheada preparada na hora!
 Experimentamos sabores doces e salgados
CARDÁPIO A LA CARTE
Tem uma coisa que juro que não entendo: porque o o público de Salvador ainda não descobriu que os hotéis urbanos oferecem excelentes opções de restaurantes. O serviço a la carte do Mercure nos deixou boas lembranças. Algumas delas abaixo:
 Salada caprese na lista de entradas
Filé Mignon ao Rio Vermelho é acompanhado com risoto de tomate seco
Salmão combinado com camarão, alcaparras, champignon
 E este prato de camarão e risoto, um dos mais suculentos que degustei ultimamente. Não à toa, o hotel oferece esporadicamente festivais de risoto criados pelo chef Vicente Reis
 Para finalizar, petit gateau com sorvete de creme. Faltou a calda de chocolate no recheio do bolinho
 A piscina tem um cardápio de petiscos como escondiddinho de camarão...
 ...e carne de fumeiro com aipim frito.
ACADEMIA
 Tem aqueles hóspedes que não abrem mão de se exercitarem quando viajam. A academia fica aberta 24 horas
 No Mercure, a academia é pequena, com bons equipamentos e vista para o mar
CONVENÇÕES
A área de eventos tem capacidade para atender até 300 pessoas em formato auditório. O salão Mercado Modelo divide-se em três salas moduláveis. Além dele, o hotel dispõe de salas menores voltadas a atender pequenas reuniões com até 10 pessoas.
O hotel é muito procurado para treinamentos e reuniões de empresas baianas
Os foyers têm bastante espaço para coquetéis, coffee breaks
 Em cada um dos pavimentos, em frente ao elevador, há uma miniatura de um ponto turístico da cidade. Esta é a Fundação Casa de Jorge Amado, no Pelourinho
Serviço
Mercure Salvador
Rua Fonte do Boi, 215 - Rio Vermelho Salvador, Bahia 71 3172-9200 Reservas.mercuresalvador@accor.com.br www.mercure.com
*A reportagem do Hôtelier News se hospedou no Mercure Salvador a convite do hotel.

Comentários