Moreira Netto, executivo do Sofitel Rio, é promovido para gerente de Operações do hotel carioca

Do Rio de Janeiro, RJ

Moreira Netto assume a gerência de Operações do Sofitel Rio
(foto: Peter Kutuchian)

Moreira Netto assumiu neste mês a gerência de Operações do Sofitel Rio de Janeiro Copacabana. O profissional está no empreendimento desde abril de 2012, após ficar fora do País desde 1999. No hotel carioca ele começou como chefe de Recepção, depois gerente de Hospedagem, até galgar a nova posição.

Formado em Hotelaria, na França, pelo Lycée Hôtellerie Tourisme St. Quentin em Yvelines Guyancourt, nas cercanias de Paris, em 2000, e com dois cursos de especialização em Operações nos Estados Unidos e Canadá, Moreira participou do IHMP (International Hotel Management Program) da Académie Accor. O executivo iniciou sua carreira no Mercure St. Quentin como recepcionista e depois auditor noturno.

Em 2001, foi para Nova York onde trabalhou no Sofitel como gerente de Serviços Noturno. Dois anos depois, mudou de cidade, indo para Montreal, no Canadá, mas permanceu fiel a marca hoteleira. Assim, no Sofitel Montreal foi assistente da Gerência e do RH, saindo, oito anos depois, como diretor de Alimentos & Bebidas. Em 2011, retornou ao Brasil e no ano seguinte entrou no empreedimento fluminense.

Como desafios, Moreira destaca a preparação para receber as comitivas para os Jogos Olímpicos, a fase da pós olimpíada, ainda mais com o aumento da oferta hoteleira, e a situação econômica. "Nossa concentração está totalmente focada nos preparativos para receber as comitivas para as Olimpíadas, mas também estamos preocupados com a etapa posterior a dos jogos, pois a cidade ganhou um novo parque hoteleiro", explica o executivo.

Ele comenta também que mesmo com a oferta de hospedagem, o Sofitel Rio tem uma das melhores localizações da cidade, o que beneficia a busca pelos resultados. "Além de termos uma das marcas mais importantes do mundo, estamos muito bem localizados, em frente ao Forte de Copacabana e a poucos passos do Arpoador e Ipanema. Isso nos beneficia, por exemplo, em comparação aos hotéis que estão na Barra", atesta Moreira.

Outra questão que preocupa é o cenário econômico. "Temos que nos adaptar a este momento, rever custos, a prória operação. Enfim, é mais um aprendizado para todos.", diz.

Perguntado sobra algum possível arrpendimento sobra voltar ao País em virtude da situação econômica, ele é enfático na resposta. "De forma alguma, eu já sentia muita falta do calor humano, do relacionamento, algo que não existe nos países que visitei. Aqui, o relacionamento faz parte do dia a dia e fazer amigos é algo essencial para a vida", finaliza Moreira.

O Sofitel Rio é uma propriedade da AccorHotels desde agosto de 2014.

Serviço
sofitel.com

Comentários