MTur faz pesquisa para melhor entender perfil do turista nacional

O Ministério do Turismo tem como objetivo conhecer o perfil do viajante Estudo terá quatro etapas, cada uma com 5 mil entrevistas

O MTur (Ministério do Turismo) deu início hoje (12) a uma ampla pesquisa que visa identificar o perfil do turista brasileiro. Encomendado com a Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), o estudo chama-se Demanda Doméstica. Na sua primeira, o levantamento ocorre em 137 municípios brasileiros, incluindo as 27 capitais.

De acordo com o MTur, o objetivo da iniciativa é conhecer melhor o perfil do viajante brasileiro. Ao entender o que, de fato, o viajante nacional busca, a pasta entende que poderá estabelecer políticas públicas para o fortalecimento da atividade turística no país.

Recém-empossado, Vinícius Lummertz, ministro do Turismo, acredita que a pesquisa é fundamental para entender o que o turista brasileiro procura. “Temos um grande potencial do turismo doméstico e um desafio de chegar a 100 milhões de brasileiros viajando pelo país até 2022. Então, acredito que estamos no caminho certo para alcançar esses objetivos”, avalia.

MTur: a pesquisa 

O estudo Demanda Doméstica é dividido em quatro etapas distribuídas ao longo de 2018 e início de 2019. Cada uma delas envolverá 5 mil domicílios entrevistados, sempre por telefone, informou o MTur. Vale ressaltar que, desde 2001, a pasta não produzia um levantamento desse porte.

A metodologia da pesquisa, com coleta de dados por painel, é pioneira no Brasil para o monitoramento da atividade turística. A partir dos dados será possível obter resultados dos fluxos de viagens turísticas domésticas, bem como os gastos dos viajantes entre as diferentes regiões.

(*) Crédito da foto: PublicCo/Pixabay

Comentários