Palácio Tangará espera crescimento de 30% para 2019

palácio tangaráHotel da Oetker Collection entrou em seu terceiro ano de operação

Com dois anos de operação recém-completos, o Palácio Tangará espera um crescimento mínimo de 30% em todos os segmentos para 2019. Com um desempenho de primeiro trimestre acima da projeção, o hotel Oetker Collection continua com expectativas positivas.

“O ano começou bastante otimista, tivemos um primeiro trimestre ótimo, acima das expectativas, com alta em ocupação, diária média, número de eventos. O que é esperado que um negócio que estrou em seu terceiro ano de operação, seguindo uma curva de crescimento”, afirmou Sílvio Araújo diretor de Vendas e Marketing do Tangará.

Apesar dos bons resultados, o executivo conta que a equipe está observando a desaceleração mercado com atenção. Ontem (17), a projeção de crescimento do PIB em 2019 foi revista para menos de 1%.

“Depois de março, estamos com um otimismo mais contido. O mercado anda mais retraído, cauteloso principalmente em relação à eventos que se tornou um segmento importante para nós, assim como qualquer hotel em São Paulo. Esse é um turismo natural da cidade, a desaceleração é preocupante para o mercado como um todo”, acrescentou o diretor.

Mas não só de turismo corporativo vive o Tangará. Um dos principais objetivos do hotel neste ano é se inserir na agenda cultural da capital paulista. No início do mês, foi lançado o portal Tangará Experience, um site que consta toda a programação cultural do hotel. 

“Queremos que a programação do hotel seja mais relevante para a comunidade próxima. Que o hotel faça parte da rotina delas. Já disponibilizamos promoções especiais, eventos temáticos e alguns até gratuitos e abertos ao público. Até o fim do ano, essa programação só irá crescer”, disse Araújo.

palácio tangará"Estamos com um otimismo contido para a segunda metade do ano", afirma Araújo

Palácio Tangará: 2018

O bom começo de 2019 segue um bom desempenho de 2018. Como primeiro ano completo de operação, o Tangará fechou o ano passado com 60% de ocupação média. “Para um hotel do porte e nível do Tangará uma ocupação média de 60% é muito importante. Estamos muito felizes com o resultado”, disse o diretor.

Outro ponto relevante para o Tangará no ano passado foi se firmar no mercado de eventos sociais e corporativos. Segundo Araújo, o segmento de eventos em conjunto com o de A&B representou 45% da receita total do ano. 

“O ano de 2018 foi um ano para nos adequarmos ao turismo de São Paulo e conseguimos ganhar um share desse mercado de eventos e corporativo apesar do Tangará ter um conceito mais voltado para o lazer, que é até o diferencia o hotel dos demais empreendimentos de alto nível da cidade. No início das operações nosso perfil era 70% lazer e 30% corporativo. Hoje já estamos parte dos 50/50”, ressaltou o executivo.  

O Palácio Tangará está localizado no bairro Panamby, em São Paulo, que é cercado pelo parque Burle Marx. São 141 apartamentos, sendo 59 suites em que a maior chega à 530 m².

(*) Crédito das fotos: Divulgação/ Palácio Tangará

Comentários