Ponta dos Ganchos Resort (SC): um verdadeiro hotel-paraíso

  Exclusivo por dois motivos: empreendimento único e pertencente à renomada Relais & Chateaux (fotos: Peter Kutuchian)
É muito provável, pelo menos no Brasil, que nunca tenhamos ouvido falar na categoria hotel-paraíso. Bom, tomamos a liberdade em criá-la. E para começar com o pé direito, o primeiro da lista é o Ponta dos Ganchos Exclusive Resort, localizado na bela Santa Catarina, a 40 Km de Florianópolis. O empreendimento faz parte da cultuada associação internacional de luxo Relais & Chateaux e também é membro da Virtuoso. Além disso, tem o único Spa Dior da América Latina.
Notoriedade não falta ao Ponta dos Ganchos, que já recebeu prêmios e menções em todo o planeta, entre eles um dos 50 mais românticos do mundo pela revista Travel+Leisure. Além disso, por duas vezes consecutivas ganhou o Prêmio Excelência do guia Condé Nast Johansens. Quer mais? Em 2007 foi eleito pela revista britânica Tatler um dos 101 melhores hotéis do mundo e pela The International Restaurant & Hotel Awards a Best suite entre os hotéis de categoria luxo. O Guia Quatro Rodas sempre o elegeu com conotação máxima desde que foi inaugurado, há cinco anos.
Quem estiver pensando em comprar ou construir a casa de praia, antes de levar os planos adiante, faça uma reserva no Ponta e decida depois. Das duas, uma: irá copiar a arquitetura dos bangalôs ou desistir da idéia e passar os finais de semana lá.
E por falar em bangalôs, ficamos hospedados em um de categoria  Villa. São apenas cinco de um total de 20. Cada um deles com cerca de 130 m² e apenas para o desfrute de um casal. Tudo de extremo bom gosto e acabamento. Em dezembro, outros cinco - Villa Esmeralda - serão inaugurados, o menor deles com 230 m².
Todos os demais bangalôs contam com vista para o mar e estão espalhados pela área de resort - 80 mil m² - oferecendo aos hóspedes privacidade e conforto. As habitações mais desejadas são as da Villa e, com certeza, a partir do final do ano, as Esmeralda.
Situado no alto do morro e com vista de 180º, o Ponta dos Ganchos oferece praia e ilha particulares com lounge e gazebo privativo para jantar a dois. Salão de jogos, piscina, fitness center, lounge a céu aberto, loja de conveniência, quadras de tênis e heliponto, além do restaurante à beira-mar, são os serviços oferecidos. Um detalhe, apenas hóspedes com mais de 18 anos são permitidos.
Outro aspecto delicioso é a gastronomia oferecida pelo Ponta dos Ganchos, sob o comando espetacular do chef Luis Salvajoli, o cardápio é trocado diariamente e o café da manhã (uau) é diferente de tudo, um verdadeiro menu degustação, com muito charme e sabor e sem horário para terminar.
Chega de papo, siga adiante, role a página e curta esta reportagem. Boa leitura!
Por Peter Kutuchian*
Hospedagem Chegando à recepção
A construção utiliza materiais que convivem harmoniosamente com a natureza: madeira e vidro
O balcão...
...a lojinha e o lobby
Nosso bangalô se localiza perto da recepção. Ficaremos hospedados num dos cinco de categoria Villa
  O caminho é bonito e logo chegamos à habitação
Entramos e a primeira visão que temos é essa. A TV está ligada e há música tocando
Damos dois passos e olhamos à esquerda. Um sofá muito confortável e bastante convidativo
  De costas para a porta do balcão temos essa vista. A mesa de trabalho e dois armários. Num deles fica o frigobar e no outro dois guarda-chuvas e espaço para pendurar casacos e roupas úteis para sair
O sistema all inclusive do resort oferece café Nespresso...
  ...chocolates e todas as bebidas, excluindo as alcoólicas
Sob a mesa, os diretórios do empreendimento e da Relais & Chateaux e revistas variadas
  A TV LCD, aparelho de DVD e equipamento home theater. O CD tem seleção de 50 músicas e é um mimo para os hóspedes
  Num dos cantos do living, uma poltrona, e, já no ambiente do quarto, a mesa para pequenas refeições
E logo ali, a cama king bastante confortável
Ao lado da cama, o módulo da lareira e da TV, que pode ser virada e assistida deste ambiente
Deslizamos a porta e surpresa: uma banheira de hidromassagem
  No mesmo local um closet e...
  ...a sauna! Entre o closet e ela, um roupão...
  ...no corredor onde ficam as pias e, lá no fundo, duas cabines com vasos sanitários
  Os sabonetes imitam a logo do Ponta dos Ganchos
  Uma visão pelo outro lado e, atrás, as duas duchas com jardim privativo
  Amenities que não produzem lixo plástico
  Na seqüência um outro closet e a saída para o quarto. Que diferença faz um projeto arquitetônico!
  Na mesa da sala a harmonia das cores frutais e, do lado de fora, a rede e a minipiscina
Não dá vontade em deixar o bangalô!
 
Para tomar um banho de sol, uma espriguiçadeira e, na foto da direita, a banheira de hidro cercada por paredes de vidro
Não é preciso salientar que o bangalô da Villa é uma verdadeira casa de praia e oferece muito conforto e privacidade ao casal. Detalhes arquitetônicos e bem planejados são visíveis e aproveitados o tempo todo. Durante nossa hospedagem, um de nossos vizinhos era um famoso ator global. Vontade de sair do bangalô? Nenhuma. Precisa dizer mais alguma coisa?
Infra-estrutura Saímos para dar uma volta e conhecer o resort. Para quem curte pedalar, há também bicicletas. Por hora, dispensamos os carrinhos elétricos, preferimos caminhar...
...afinal os caminhos são bonitos e o ar é puro
 
Placas sinalizam as opções existentes
   Nossa primeira parada é no salão de jogos. O local possui lareira, serviço de alimentos & bebidas...
  ...uma mesa oficial de bilhar e...
...uma coleção de DVDs para assitir no conforto da habitação
Ao lado do salão de festas ficam a piscina e o fitness center
Para acessar a ilha-lounge utiliza-se esta ponte
A praia exclusiva do Ponta dos Ganchos sedia o restaurante do resort
Águas límpidas e calmas
 
 Dois ângulos da ponte
E a vista a partir da ilha
Agora para a praia. Lá no alto, alguns dos 20 bangalôs
A ilha abriga gazebo, sofás e espriguiçadeiras e uma vista espetacular
De dia o gazebo pode receber hóspedes e à noite apenas um casal para jantar romântico
Conforto e mordomia não faltam
Praia particular com espaço mais do que suficiente para 44 hóspedes, a capacidade total do Ponta dos Ganchos. Em frente à areia, uma pequena ilha, cujo acesso é por uma ponte sobre as calmas e límpidas águas. Na ilhota, sofás, poltronas e um gazebo, que pode ser uma extensão do restaurante e, à noite, um lugar especial e reservado para o jantar de apenas um casal. Não é preciso dizer que há uma lista de espera para desfrutar do serviço exclusivo.
Fitness center e piscina são meros coadjuvante. A direção do Ponta dos Ganchos já tem planos para criar uma outra área de entretenimento com um novo espelho d'água. Os investimentos não param.
"Precisamos sempre pensar em oferecer serviços e amenidades diferentes. Temos muitos hóspedes freqüentes e novidades são positivas", diz Nicolas Peluffo, diretor geral do Ponta dos Ganchos.
Gastronomia 1
  16 horas: a fome chegou. Vamos conhecer o restaurante e seus atrativos. Logo na entrada uma seleção de charutos
O local tem dois pavimentos com decoração rústica e colorida
Resolvemos ficar na varanda, afinal a bonita vista e a proximidade com as árvores...
  ...nos deixa engajados com a natureza
  Clicamos apenas as sobremesas. Dá para ter uma idéia de como eram os pratos? Deliciosos!
  Depois, subindo, clicamos essas imagens
 Aproveitamos a carona de um dos transportes do resort
A gastronomia é um dos aspectos mais importantes em um empreendimento hoteleiro e a do Ponta dos Ganchos pode (e deve) ser qualificada como de alta, com um cardápio inovador que muda diariamente, tanto no almoço como no jantar.
"Nosso objetivo é que o hóspede tenha um visual encantador o tempo todo. No bangalô, passeando pelas trilhas, na praia e principalmente nas refeições. Oferecemos a alta gastronomia que deleita primeiro a visão e depois o paladar", explica o chef Luis Salvajoli.
Pôr-do-sol e abertura
Na nossa exclusiva varanda esperamos o sol ir para o outro lado do planeta
Fui checar os e-mails e não pude deixar de registrar essa foto Precisa de legenda?
Depois que o astro rei se pôs, as cores mudaram
A abertura da cama inclui pantufas...
...água e um doce
  Como opção há a lareira para as estações menos quentes
 
Ou um banho de hidro sob as luzes das velas
Gastronomia 2
  No dia seguinte fomos conferir o café da manhã, que é servido no salão de festas e na sua varanda
Cadê o buffet? Não tem? O café da manhã é degustação?
  E não é que é mesmo? Um shot de couve, abacaxi e limão para começar, além de torradas com geléia, queijo cottage e mel
O jornal fica enrolado dentro do bambu. As frutas boleadas e suco de tangerina, ameixa e morango. Diferente e muito saboroso!
  Depois, chega o iogurte natural com frutas vermelhas e amêndoas. Pães quentinhos e mini sanduíches de salmão e pepino
  Croque Madame e tapioca salgada
  No outro dia, mais surpresas. Veja como o mamão foi servido! O iogurte com manga, mel, flor de laranjeira e cardamomo, suco de laranja, mirtilo e banana. Excelente a idéia em servir o petit-déjeuner dessa maneira!
  Ovos benedictcrumble de frutas da estação!
O Ponta dos Ganchos está desenvolvendo sua própria horta de produtos orgânicos
Muito diferente provar um café da manhã ao estilo de menu degustação. Uma idéia que mostra como os serviços podem ser mudados e apresentados em uma forma nova. Nós aprovamos!
"Sou definitivamente contra o buffet. Acredito que a comida deve ser preparada e levada diretamente para a mesa. Os sabores não podem ser conservados por muito tempo e os detalhes são importantes", diz Salvajoli.
Cantinho da Veleza O Cantinho da Veleza é um verdadeiro lounge a céu aberto
O local possui uma grelha onde são servidos pratos com base em frutos do mar
Os hóspedes podem ficar isolados confortavelmente
Vários cantinhos em um cantinho
Em um nível abaixo fica o bar, que abre à noite
  Descemos por uma escada em meio à natureza e logo estamos no restaurante
Outra criação recente, o Cantinho da Veleja é um lugar muito especial, não fica na praia, mas em um nível acima. Todo o local foi projetado para proporcionar conforto e privacidade para os casais e, ao mesmo tempo, oferecer atrativos gastronômicos, sem a necessidade de estar sentado na mesa dentro de um ambiente fechado.
 Gastronomia 3 
  Já é hora do almoço, vamos escolher uma mesa?
Esta?
Ou uma dessas?
Na varanda novamente?
Descemos e a árvore nos chama a atenção
Grande ser da natureza!
  É sob suas folhas que gentilmente pedimos para montar nossa mesa. Fomos atendidos pelo Laerte
  Almoçamos delícias!
No Ponta dos Ganchos percebemos que a maioria das vontades dos hóspedes são atendidas. Se é possível e não incomoda os outros clientes, por que não? Nosso exemplo foi escolher um local inusitado para montar a mesa. Não queríamos ficar dentro do restaurante e descobrimos um local ao lado que comportaria tranqüilamente uma mesa. Sugerimos ao atendente e ele concordou. Nos avisou que folhas ou frutos poderiam cair sobre nós. Não nos importamos com isso e desfrutamos de uma refeição pitoresca harmonizada por um excelente vinho. A experiência ficará para sempre em nossas memórias.
 
Bom, esperamos ter conseguido com esta reportagem passar para você, caro leitor, como é o Ponta dos Ganchos e, só para finalizar, quando deixamos o bangalô para fazer check-out, olhamos o mar e o interior da habitação, sentimos um misto de tristeza e saudades. São poucos os empreendimentos que nos causam isso. Mas, por um outro lado, isso é bom, pois temos a certeza que iremos voltar!Serviço Pontas dos Ganchos Exclusive Resort www.pontadosganchos.com.br
* A reportagem do Hôtelier News viajou para o Ponta dos Ganchos a convite do empreendimento.

Comentários