PV Francês: charme de pousada; infra de hotel

006 PV FrancesJangada produzida pela direção do Hotel PV Francês (fotos: Peter Kutuchian)

Olhando o edifício, de três pavimentos, do Ponta Verde Praia do Francês, a impressão que se tem é que se trata de um meio de hospedagem comum. Não é bem assim. Logo que se acessa o Lobby, percebe-se que há algo há mais no local. A começar pelo atendimento, feito, no nosso caso, pelo proprietário do estabelecimento. Percebemos, porém, que a simpatia contagiante de Mauro Vasconcelos Filho, conhecido por Maurinho, faz parte do cotidiano da maioria dos 70 colaboradores do PV Francês.

"Nosso desejo era não ter apenas um hotel convencional. As pessoas querem um charme e proximidade com o serviço de pousada mas com uma infra de hotel. Por isso nosso desafio foi montar um hotel com cara de pousada e também tirar o estigma de não ser um hotel convencional. Por isso nos precupamos na decoração com base na história de Marechal Deodoro"' explica Maurinho. Localizada a cerca de 30 minutos de Maceió, Marechal Deodoro é o Município onde está situada a Praia do Francês, e a cidade não tem esse nome por acaso, pois foi lá que nasceu Deodoro da Fonseca, o primeiro presidente do Brasil. Com 44 mil habitantes, o destino é considerado como uma cidade musical, pois o índice de habitantes que estão envolvidos com a música é um dos mais altos do País. Lá existe uma orquestra sinfônica e quatro filarmônicas. Um de seus "filhos" mais ilustres é Nelson da Rabeca, inventor do instrumento que, agora, é seu sobrenome, Rabeca. O PV Francês foi inaugurado no dia 19 de janeiro deste ano e conta com 98 habitações, sendo 45 de categoria Superior Vila, com vista para a cidade, 42 apartamentos Frente Mar, sete do tipo Garden, sendo duas destas preparadas para PNE's (pessoas com necessidades especiais) e quatro suítes. No térreo, Recepção, Lobby, sala de reuniões, com capacidade para 25 pessoas, e o restaurante Fateixa, que pode atender 120 comensais e tem terraço com vista para a praia. Aliás, o atrativo mais desejado dos turistas está bem em frente ao PV Francês, onde é protegida pelos recifes, criando assim águas tranquilas, para alegria dos pequenos. Já na cobertura, fica a piscina, o bar e restaurante Rabeca.

Maurinho VasconcelosMaurinho Vasconcelos

Social A direção do PV Francês explica que há  uma atenção em relação aos moradores de Marechal Deodoro e do próprio município. "Nossa intenção é auxiliar no aprimoramento do destino. Muito antes da abertura do hotel, investimentos muito na identificação, seleção, contratação e treinamento dos nossos atuais colaboradores, sendo que destes, apenas 10% são de outro município", diz Maurinho. Ele explica que integrantes do departamento de RH [do outro empreendimento de propriedade deles, o Ponta Verde Hotel, situado em Maceió] vieram para Marechal Deodoro para fazer uma pesquisa de porta em porta em 400 residências para identificar talentos. "Foi assim que conhecemos a Sra. Neuza e descobrimos a expertise dela na cozinha. Ela foi contratada e hoje é uma das responsáveis pela gastronomia do PV Francês", diz. E não é só: o treinamento de pré abertura incluiu a compra na forma de allotment dos serviços de capacitação para garçons, camareiras e mensageiros do Senac da região. Benefício coletivo Maurinho salienta que a parceria com a Prefeitura já gerou benefícios para a classe hoteleira. "Como o desejo de todos é melhorar toda a infraestrutura da Praia do Francês, conseguimos que 2% da arrecadação de ISS do Município seja revertido na capacitação dos colaboradores de empresas ligadas ao turismo", revela. Como hoteleiros, a preocupação da família Vasconcelos gira em torno de todo o destino. "Nosso trabalho vai além de zelar para manter um bom hotel, não podemos ter contrastes ou diferentes tipos de recepção dos turistas que vêm para o nosso destino. É necessário que toda a comunidade esteja na mesma sintonia de receptividade, atendendo de mesma maneira, pois o cliente feliz fala bem do destino e o melhor, acaba voltando", explica. E ele finaliza: "queremos e estamos  trabalhando com a Prefeitura para ordenar as atrações da cidade, assim o turista poderá ficar mais tempo na Praia do Francês", conclui. Serviço hotelpontaverde.com.br/praiadofrances/hotel * A reportagem do Hôtelier News viajou para Alagoas com o apoio do Hotel Radisson Maceió e da Transamerica Tour.  

Comentários