Redes Hoteleiras: Accor quer operar 208 hotéis no Brasil

 
Um professor disse uma vez na aula de marketing que, quando foi batizada, a idéia era ver a Accor sempre como a primeira da lista. Voilà o motivo da letra 'A' seguida por dois 'C's. Dificilmente outro nome viria à frente na ordem alfabética. Seguindo o abecedário ou não, hoje a Accor Hospitality é a primeira rede do Brasil em número de hotéis. São 145 espalhados por 62 cidades e a meta é atingir 208 empreedimentos até 2012.
 
 
Tudo começou no final da década de 1960, quando os franceses Paul Dubrule e Gérard Pélisson inauguraram o primeiro hotel do grupo, um Novotel. Atualmente, a Accor encabeça também a lista de serviços de hotelaria e turismo na Europa. São 14 marcas - Sofitel, Pullman, MGallery, Novotel, Mercure, Suitehotel, Adagio, Ibis, All Seasons, Etap, Formule 1, Motel 6, Studio 6 e Accor Thalassa -, algumas presentes somente na Europa, outras só nos Estados Unidos e Canadá. Cinco delas já são operadas no Brasil. No mundo, a rede soma mais de 4 mil meios de hospedagem e quase 500 mil apartamentos em 90 países, operados por cerca de 150 mil colaboradores.
 
Por Chris Kokubo
 
 
Roland de Bonadona, diretor geral da
Accor Hospitality para América Latina
(foto: Chris Kokubo)
 
A rede francesa chegou ao Brasil em 1977, com a inauguração do Novotel São Paulo Morumbi. Hoje, o país é o quarto maior mercado para o grupo no mundo, atrás somente da França, Alemanha e Estados Unidos, e aqui se localiza a gestão da empresa para a América Latina.
 
"Estamos focando no desenvolvimento das marcas Ibis e Formule 1 na América Latina, principalmente no Brasil. Os segmentos midscale e upscale também serão expandidos com novas aberturas até 2012, porém o mercado nestes setores já está bem consolidado", explica Roland de Bonadona, diretor da Accor na América Latina.
 
Sofitel
Bandeira cinco estrelas da Accor, a rede Sofitel abriu seu primeiro estabelecimento em 1964 na cidade de Estrasburgo, próxima à fronteira da França com a Alemanha, quando ainda era um grupo independente. Juntou-se aos 72 hotéis Pullman em 1979 e foi incorporada à Accor em 1997. Atualmente são 200 hotéis em 56 países. No Brasil, o nome Sofitel estampa cinco empreendimentos: São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Florianópolis e Jequitimar Guarujá, no litoral paulista.
 
 
Criado para atender com o conceito “arte de viver”, o Sofitel valoriza a experiência do hóspede com luxo e sofisticação. São seis os princípios que norteiam seus serviços: criar um ambiente de bem-estar e sensorialidade; serviço personalizado; mise em scène francesa mesclada à cultura local; rituais franceses de refeições e vinhos; tecnologia; e presença em destinos exuberantes. Destaque nos apartamentos, a cama MyBed foi concebia exclusivamente para os hotéis da rede, que contam ainda com os Sofitel Spas, academias e restaurantes exclusivos.
 
Os apartamentos são divididos em três ambientes: quarto, que representa 25% da área total, banheiro, com 35%, e sala, que ocupa 40% do apartamento. As unidades Sofitel ostentam nomes consagrados da arquitetura, design e decoração mundiais.
 
Entrada do Sofitel São Paulo
(foto: Peter Kutuchian)
 
Recentemente foi criada a nova carteira de marcas do Sofitel, o So by Sofitel, uma reinterpretação dos hotéis boutique. Dessa forma, cada unidade da nova bandeira oferece de de 80 a 200 apartamentos. O primeiro deve ser inaugurado este ano em Paris, substituindo o Sofitel Arc de Triomphe, e o segundo, em Berlim, no lugar do Sofitel Gendarmenmarkt. A meta é chegar a 20 hotéis.
 
Nagi Naoufal, diretor da marca Sofitel
para América do Sul
(foto: divulgação)
 
Outra novidade é a Sofitel Legend, outra sub-bandeira cinco estrelas. A idéia é reagrupar as propriedades legendárias da rede, como palácios, palacetes e hotéis em destinos especiais. Sete hotéis Sofitel devem ser incorporados ao grupo Legend até 2010.
 
Em 2007, o Sofitel anunciou o reposicionamento mundial da marca e seu plano estratégico para elevá-la ao nível Premium do mercado de hotéis de luxo internacional. No mesmo ano, a marca tornou-se um negócio independente dentro do Grupo Accor.
 
Novotel
Localizado originalmente nos arredores das cidades, o Novotel inovou ao oferecer amplos espaços de lazer e piscina. A primeira unidade foi inaugurada no ano de 1967 em Lille, ao norte da França, próxima à fronteira com a Bélgica e marcou o início da rede Accor. Com o passar do tempo, as unidades passaram a ser construídas nos centros urbanos.

A rede chegou à América Latina em 1975, com a inauguração do Novotel São Paulo Morumbi, que recentemente passou por completa renovação. A abertura, inclusive, marcou a chegada da hotelaria internacional ao país.
 
Voltado para o turista corporativo - na América Latina, 86% dos clientes se hospedam a negócios -, o Novotel recentemente implantou o quarto Novation, onde o relaxamento é o carro-chefe, com cama maior, edredom acolchoado, cabeceira ergonômica, iluminação adequada, conexões para o computador, TV LCD 26” e mesa de trabalho. Todos os apartamentos, lobby e áreas sociais disponibilizam internet banda larga e wi-fi.
 
Fachada do renovado Novotel São Paulo Morumbi
(foto: accorhotels.com.br)
 
Atualmente, a rede é a maior do grupo Accor. Na América Latina são 16 hotéis, que somam 2.672 apartamentos. Em território brasileiro há 12 hotéis e 2.043 UHs Novotel, seis no Sudeste, dois no Sul, um no Nordeste, e três no Norte. A rede conta com 396 hotéis em 58 países.
 
Mercure
Criada em 1973, a Mercure é hoje a rede com maior número de hotéis midscale no mundo. Atualmente presente em 49 países, somando 758 hotéis e mais de 94 mil apartamentos. No Brasil, são 71 empreendimentos, número que viu grande crescimento em 2006, quando as unidades Parthenon foram convertidas em Mercure.
 
 
Desde a fusão das duas marcas, a rede passou a oferecer três níveis de conforto: Grand Hotel, Hotel e Apartments, que atendem diversas hierarquias no turismo de negócios. Na época, treinamento dos colaboraores, mudança de letreiros e comunicação tiveram investimento de R$ 5,5 milhões.
 
Ibis
Ibis é a marca de hotéis econômicos da Accor. O primeiro empreendimento foi inaugurado em 1974, em Bordeaux, na França. Com objetivo de oferecer os principais serviços de um hotel moderno na melhor relação serviço x qualidade x preço do mercado local, hoje a rede soma 790 hotéis e cerca de 90 mil apartamentos espalhados em 39 países. Até o ano 2010, devido à agressiva política de expansão que foca principalmente Ásia e América Latina, serão 1 mil hotéis em mais de 70 países.
 
 
"O cliente sabe que vai encontrar um Ibis bem localizado, com quarto bem projetado, serviços 24 horas e que atenda às suas necessidades sempre", afirma Franck Pruvost, diretor de Operações Ibis e Formule 1 para América Latina. A marca chegou ao Brasil e à Argentina no mesmo ano: 1999. Hoje, são 47 unidades brasileiras. Os viajantes a negócios representam 57% do total de clientes, enquanto os que estão a lazer somam 43%.

Padronizado, o apartamento de 16,38 m² conta com cama de 1,6 x 2 m, conexão à internet, aparelho de TV, banheiro com chuveiro ou banheira e diferenciais como o café da manhã, servido das 4h ao meio-dia.
 
Em 1997, a Ibis foi a primeira rede de hotéis econômicos a obter a ISO 9001 de padrão de qualidade e, em 2004, conquistou a ISO 14001, relacionada ao meio ambiente. Hoje, um terço dos hotéis estão certificados e a meta é atingir 75% até o ano que vem.
 
Franck Pruvost, diretor de Operações das
marcas Ibis e Formule 1 no Brasil
(foto: arquivo HN)
 
A rede Ibis é a segunda maior do grupo Accor. Quando foi lançada, a meta era oferecer quartos 30% mais baratos do que a média do mercado, por meio de um modelo de negócios que permitisse garantir acomodação e serviço de qualidade consistente e de gerar economias de escalas significantes. Pelos projetos ambiciosos, a rede parece estar conseguindo.
 
Formule 1
A rede super-econômica Formule 1 surgiu para atender os turistas que nunca se hospedavam em hotéis em virtude dos altos preços cobrados pela hotelaria tradicional. Presente em 14 países, atualmente são 380 hotéis em operação, dez no Brasil.
 
 
A rede foi criada em 1984 e oferecia, pela primeira vez, a oportunidade dos franceses se hospedarem por menos de 100 francos em um hotel prático e confortável. A primeira unidade no Brasil foi a do metrô Paraíso, em São Paulo. Hoje, há unidades no Rio de Janeiro, Curitiba, Belém e Belo Horizonte. Apartamentos funcionais, serviço de recepção 24 horas e guarda-volumes individuais são algumas das características dos hotéis.
 
Formule 1 São Paulo Paraíso, primeira
unidade da marca no Brasil
(foto: accorhotels.com)
 
Fidelidade
A Accor Hospitality trabalha com quatro programas de fidelidade. O Compliments from Accor Hotels é válido somente na América Latina e conta atualmente com 310 mil associados; o Fidelite trabalha com 12 mil associados, e o Club Bienvenue, com 4 mil, ambos atendem clientes que se hospedam em unidades Sofitel.
 
O quarto programa, conhecido como A|Club, é totalmente on line e foi lançado em setembro passado. Mundial e gratuito, engloba as marcas Sofitel, Pullman, MGallery, Novotel, Mercure, SuiteHotel, Ibis e All Seasons, e pode ser utilizado nos hotéis da rede, de parceiros - como o Club Méditerrané -, ou convertidos em milhas de nove companhias aéreas.
 
 
 
(imagem: accorhotels.com.br)
 
No fechamento das contas de 2008, o grupo Accor, que inclui outros segmentos da indústria turística, registrou receita de 7,7 bilhões de euros, o que representa alta de 2,8% em relação a 2007. Somente o setor hoteleiro do grupo gerou faturamento de  5,7 bilhões.
 
A rede que começou com um hotel na pacata cidade de Lille em 1967, quase meio século depois totaliza 4 mil unidades e prevê, até 2012, 63 novos projetos no Brasil e 42 no restante da América Latina, o que deve somar, ao todo, 9.083 apartamentos ao seu portfólio e criar 3.274 postos de empregos diretos, 2.265 deles em território brasileiro. Segundo Abel Castro, diretor de Desenvolvimento da rede para o Brasil, a princípio não há idéia de implantar aqui novas marcas da Accor já presentes no exterior, além da Pullman e da MGallery, já anunciadas anteriormente.
 
Escritório de Vendas
Rua Maria Coelho Aguiar, 251 - bloco F, 5º andar
Cep: 05805-000, São Paulo, SP
Telefone: 11 3741-5267
Central de Reservas
São Paulo: 11 2122-8000
Demais regiões: 0800 703 7000

Serviço

Comentários