Reformado, complexo de eventos do Grande Hotel São Pedro deve representar 40% do faturamento este ano


Marcelo Picka van Roey, Diretor geral dos hotéis paulistas do Senac

Em 2017, o Grande Hotel São Pedro dedicou parte dos seus esforços para revitalizar o complexo de eventos. Com a conclusão das obras, o empreendimento inaugura hoje (20) novas salas com boas expectativas para a temporada. Segundo projeções da direção do hotel, 40% do faturamento de 2018 devem ser provenientes do segmento de eventos.

Com a reforma, a área volta a ser protagonista, já que, em 2017, a participação dos eventos na receita do hotel foi de 12%. "Escolhemos um período que parecia mais fraco para realizar as reformas", destaca Marcelo Picka van Roey, diretor geral dos hotéis paulistas do Senac – Grande Hotel São Pedro e Grande Hotel Campos do Jordão. Antes do ano de intervenções, as conferências representavam 50% do share e a ideia é voltar a esse patamar.

"Nesse período, o lazer pagou as contas do hotel. Agora, devemos voltar à divisão que havia antes", projeta Van Roey. "Já temos muitos eventos fechados para o decorrer do ano. Empresas, sem ver o resultado da reforma, já tinham acertado parceria conosco", complementa.

Complexo de eventos: a reforma

Fundado há 70 anos, o Grande Hotel São Pedro tinha na ala de convenções um de seus espaços mais novos. Contudo, isso não foi suficiente para evitar a revitalização. As obras focaram principalmente na sala principal, que tinha formato de teatro.

"Esse auditório acabava limitando muito nossas ações por conta da inclinação e das cadeiras fixas. Ficava difícil receber dois grandes eventos", explica o executivo. Diante dessa dificuldade, o espaço foi repensado e deu lugar a uma sala mais ampla, com 440 metros quadrados. "Agora, ela é capaz de receber até 430 pessoas", acrescenta.

Com esse reforço, o hotel agora pode abrigar até 800 pessoas em eventos simultâneos. Há ainda outro grande salão para 320 pessoas. Completa a estrutura oito salas menores, alguns espaços vip para reuniões particulares e um business center.

"O salão maior está todo renovado. Com divisórias modernas, melhor acústica, pé-direito de cinco metros, entrada de carros, montagem de estandes e nova tecnologia de sonorização e ambientação", enumera Picka. "Internet rápida, gerador e toda a tecnologia necessária para grandes eventos. Tudo isso de última geração, como a possibilidade de conectar qualquer computador dentro da sala no telão.”

Na esteira das mudanças aparentes, a gerência aproveitou para otimizar a operação de A&B também. Uma estrutura de bastidores foi construída para facilitar o acesso dos colaboradores aos ambientes. "Na lateral da sala nova há uma área de apoio que facilita a vida do pessoal de A&B", finaliza. 

Para conhecer melhor as dependências do Grande Hotel Águas de São Pedro, confira aqui nosso In Loco Especial feito no empreendimento.

(*) Crédito da foto: Hotelier News

Comentários