Restaurante Lassù consolida-se como atração turística em São Paulo

LassuLassù é o primeiro restaurante giratório em São Paulo

São Paulo ganhou um novo point turístico. Aberto em setembro de 2019, o Restaurante Lassù já se consolidou como a nova sensação turística e gastronômica na capital paulista. O estabelecimento fica na Zona Norte, região que também abriga dois importantes centro de feiras e exposições, Expo Center Norte e Parque Anhembi, além do maior hotel do país, o Holiday Inn Parque Anhembi.

O motivo do sucesso do Lassù, além da gastronomia diferenciada? A palavra de origem italiana lassù significa "lá em cima", e é lá no 28º pavimento de um edifício situado na Rua Conselheiro Saraiva, em frente a Avenida Cruzeiro do Sul, que fica o restaurante. 

A geografia do local, que é o começo de um aclive, faz o Lassù estar mais alto em relação ao resto da cidade, propiciando uma vista sem igual. Além disso, o restaurante tem uma parte do seu salão giratório, o que torna o Lassù como primeiro do tipo em São Paulo.

Gerido pelo empresário e restaurateur Ricardo Trevisani, responsável também por outro espaço de renome na cidade, o Ristorantino, nos Jardins, o Lassù não é apenas um espaço com um projeto arquitetônico diferenciado e uma plataforma giratória. Além disso, há uma forma diferenciada na apresentação da gastronomia, do menu aos serviços. Tudo isso dá uma personalidade autêntica ao restaurante.

Lassù: experiência única

A chegada ao Lassù se faz por um lounge independente. O elevador nos leva ao último andar, saímos por um corredor e logo chegamos ao salão, que conta com um bar, um espaço privativo e algumas mesas fora da plataforma giratória.

Se você acha que vai enjoar com a sensação do giro, está bem enganado. É quase imperceptível. Para fazer uma volta completa, a plataforma leva 1h40, nem dá para perceber.

A vista é de 180 graus. Dá para ver o skyline da Avenida Paulista, o aeroporto Campo de Marte, os pavilhões de exposições, as avenidas Cruzeiro do Sul e Tiradentes, a marginal do Tietê e os aviões indo aterrissar no Aeroporto Internacional em Guarulhos. 

Lassù: gastronomia diferenciada

O Lassù conta excelentes cartas e menu. Drinques clássicos e não alcoólicos, criados na casa, vinhos do Brasil e do mundo. No menu, as divisões dos pratos resumem-se em Aberturas, Antes, Durante, Veganos, Kids e Depois

Provamos o drinque sem álccol Ginger Fresh & Honey, composto por água de mel e gengibre, limão Taiti, Fever Tree e Ginger Ale. De Abertura, conferimos a Tapioca Forneria San Paolo (bolinhos de tapioca, espinafre e queijo da casa com geleia de pimenta); e o Fondo Marino (anéis de lula, camarão e abobrinha fritos); O Durante experimentado foi o Gnocchi Vermelho (nhoque de batata roxa, ricota, berinjela e molho de tomate San Marzano. Já para o Depois, escolhemos o Budino de Cupuaçu, feito com a fruta e texturas de amêndoas.

Se deu saudades e água na boca só de escrever esta matéria? Claro, já progamei minha volta ao Lassù!

Confira na galeria abaixo alguns cliques do novo point paulistano.

Lassù em momentos de precaução

Nesse momento de pandemia, o Lassù também adotou algumas práticas para garantir a segurança de seus clientes. A diminuição da capacidade, com o aumento do espaçamento entre as mesas dos salões foi uma delas. Outras ações incluem:

  • Criação de mais espaço para receber clientes em momento de espera, evitando aglomerações;
  • Foco na conscientização da equipe, garantindo seus bons hábitos de higiene pessoal e social;
  • Distribuição, para uso geral de clientes e colaboradores, álcool gel 70% por todo restaurante inclusive valet e vestiários;
  • Redobramento de cuidados habituais com esterilização rigorosa dos pratos, copos e talhares;
  • Orientação da equipe de sala a cumprimentar os clientes sem abraços ou apertos de mão durante este período delicado.

(*) Crédito das fotos: Peter Kutuchian/Hotelier News

(**) Crédito da foto da capa e daquels indicadas na galeria: divulgação/Anagrama Comunicação

Comentários