Sofitel Ipanema investe em gastronomia e dobra faturamento em A&B

Do Rio de Janeiro, RJ

Pablo Peralta, sous chef, e Jérôme Dardillac, chef executivo e gerente de A&B

O carioca Sofitel Ipanema, localizado em uma das praias mais famosas do mundo, está investindo em novidades gastronômicas. Sob comando de Jérôme Dardillac, chefe executivo que acumla também a função de gerente de Alimentos e Bebidas, o hotel de luxo transformou o bar situado no lobby no Cajá Café. Outras implementações foram feitas no 23 Ocean Lounge, situado no Rooftop. Com essas ações o faturamento de A&B do Sofitel Ipanema dobrou

Além disso, em homenagem à Copa do Mundo, que começou na última quinta-feira (14), o espaço gastrônomico ganhou um cardápio temático durante o horário dos jogos. 

Cajá Café do Sofitel Ipanema

O antigo Lobby Bar, que antes oferecia drinques e petiscos, se transformou no Cajá Café. A atividade no espaço começa às 8 horas, quando uma seleção distinta de cafés e chás, acompanhados de croissants e outras opções da patisserie produzida no hotel são oferecidos até às 11 horas. Em seguida entram os doces, que são verdadeiras obras de arte da confeiteira Letícia Cruz - a profissional, de 25 anos, é uma das finalistas da Coupe du Monde de la Pâtisserie (Copa do Mundo de Confeitaria), que acontece em janeiro de 2019 na França. 

"Como nosso atrativo principal, o 23 Ocean Lounge, está na cobertura, decidimos centralizar as opções de almoço, happy hour e jantar ali e criar no Lobby um ponto de venda de nossas patisseries para o público local", explica o chef Dardillac, que garante que não há concorrência em termos de qualidades dos produtos oferecidos. "As pessoas estão vindo cada vez mais e desde que abrimos o Cajá, no começo do ano, já conseguimos quadruplicar a receita nesse ponto de venda", revela.

Gaspacho de pepino com maçã verde e camarão, um dos pratos do cardápio do 23 Ocean Lounge

23 Ocean Lounge do Sofitel Ipanema

Desde que chegou no Sofitel Ipanema há um ano, o chef Dardillac fez outras mudanças na estrutura de Alimentos & Bebidas. O restaurante Galani, que fica no segundo andar e que anteriormente funcionava para almoço e jantar, passou a atender apenas para o café da manhã. "A vista no 23 Ocean Lounge é espetacular. Podemos ver desde o Arpoador até o morro Dois Irmãos. É ali que os clientes querem estar e não dentro de um restaurante fechado", informa o chef.

Alterações no menu também foram aplicadas. O chef explica. "Não haviam, por exemplo, no cardápio muitas opções de pescados do mar. O que fizemos foi incluir vários tipos de peixe, frutos do mar, na maioria servidos como grelhados e isso também está agradando muito hóspedes e clientes. Os produtos são escolhidos a dedo e essa qualidade é percebida, pois os clientes acabam voltando, além de elogiar", declara Dardillac.

Com essas ações o faturamento de Alimentos e Bebidas do Sofitel Ipanema dobrou. "Não fizemos um investimento alto. Apenas adequamos o cardápio com itens que são simples mas que têm muita qualidade", ensina o chef.

Copa do Mundo

Aproveitando os horários dos jogos da Copa do Mundo 2018, o Sofitel Ipanema criou uma programação no 23 Ocean Lounge. Pela manhã, das 8 às 10 horas, é oferecido o bonjour menu, que contempla suco de laranja, café, chocolate quente, uma trilogia de pães (croissant normal e de chocolate e caseiro) e geleias caseiras. Já no almoço, o menu homenageia um dos países que disputam os jogos das 11 horas.

"O prato de cada dia que tem jogo tem uma referência de um dos dois países que disputam a partida. No jogo do Peru e Dinamarca, por exemplo oferecemos Ceviche. Hoje, no jogo da Bélgica, mexilhões com batata frita e assim por diante", finaliza Dardillac.

(*) Crédito das fotos: Peter Kutuchian/Hotelier News

Comentários