Suspensão de cobrança por bagagem em voos gera reação da Anac

A Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) avisou que irá recorrer da decisão da Justiça Federal, que suspendeu a cobrança extra das bagagens despachadas em voos.

A cobrança, que tem na data de hoje (14) seu início, foi vetada pelo juiz federal José Henrique Prescendo que alegou não enxergar benefícios para os passageiros no novo panorama.

O juiz responsável pela decisão sublinhou que a resolução da Anac não garante redução dos preços de passagens de quem não tiver bagagem pra despachar. A diminuição nos valores cobrados eram a justificativa da agência para a regra.

Serviço
www.anac.gov.br

* Foto de capa: arquivo HN
 

Comentários