Transamérica Executive Perdizes: um hotel perto "de tudo"

A entrada do Transamérica Executive Perdizes, que em breve vai ganhar uma nova logomarca
(fotos: Juliana Bellegard)
Por que instalar um hotel em meio a um bairro residencial? Dá certo? O Transamérica Executive Perdizes está instalado no bairro que lhe empresta o nome - Perdizes -, e prova que a iniciativa só colheu bons resultados até agora. Mas o começo não foi fácil. Quem nos conta a história do empreendimento é Denise Bresciani Quirino, que trabalha lá desde o início das operações, em 2002. "O que diziam é que foi difícil conseguir autorização para construir o prédio, pois aqui haviam alguns sobrados. Os moradores não queriam o hotel", conta.
O restaurante do hotel, uma filial do Don Carlini da Mooca, foi o primeiro a ser inaugurado, em novembro de 2001. Logo em seguida, em fevereiro de 2002, o Transamérica Executive Perdizes abriu suas portas. De lá para cá, conquistou um público bastante variado, principalmente por conta de sua localização. A Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), sua capela e seu teatro, o Tuca, ficam praticamente na esquina do hotel, a um quarteirão de distância. Estão também próximos os centros de exposição, parques, shoppings e estádios de futebol. Acesso à Avenida Paulista, Marginal Tietê, Higienópolis, Pinheiros? Sem problemas.
"Recebemos executivos, que vêm à cidade para alguma feira ou reunião de negócios, e também aqueles que realizam eventos aqui; o público de lazer, principalmente aqueles que buscam atividades culturais. E, claro, muitos professores, palestrantes e alunos da PUC-SP", explica Mayra Pandolfe, gerente geral do empreendimento. Além dos hóspedes, há ainda aqueles que decidem adquirir um dos apartamentos, em geral para os filhos, recém-ingressos na universidade, morarem. "Aí viramos uma espécie de mãe para eles. Tem muitas famílias que ligam para mim, para saber dos filhos", diz Mayra. Estes, no entanto, são uma minoria: pouco menos de um terço das UHs têm proprietários.
Nos apartamentos do pool, a demanda é grande, e a gerente atribui isso em grande parte a vinda de eventos para São Paulo. Em dia de shows, peças de teatro e até jogos de futebol, tanto o hotel quanto o restaurante têm movimento intenso. "Outra coisa que gera bastante demanda para nós são os casamentos. Muitos alunos, ex-alunos e colaboradores voltam à PUC para se casar na capela da universidade. A gente hospeda família, convidados e, claro, oferecemos o pacote de noite de núpcias", conta Denise. Mayra, depois de descobrir que sou ex-aluna da PUC e moradora de Perdizes, logo emenda: "quando você casar, pode vir para cá
também". Será?
Por Juliana Bellegard
Nossas anfitriãs: Denise Bresciani Quirino e Mayra Pandolfe, respectivamente controller e gerente geral do Transamérica Executive Perdizes
 
Na recepção, os colaboradores em um raro momento sem nenhum atendimento. Visitamos o hotel em uma sexta-feira, dia de muito movimento
 
O lobby foi reformado recentemente
 
E ganhou alguns detalhes de decoração, como as plantas e espelhos
 
Eventos e lazer
Durante nossa visita, havia apenas uma das salas de eventos livre. São quatro salas, sendo duas moduláveis, com capacidade para até 80 pessoas, podendo ser organizadas de diferentes maneiras, dependendo do evento. No foyer, sofás e um espaço para o coffee break dão o suporte necessário. O empreendimento chega a receber, de acordo com a gerente, uma média de quatro eventos por semana.
Já a área de lazer do hotel está em reforma. Toda a cobertura está sendo refeita: ganhará um novo espaço para o fitness center, mais uma sala de eventos com vista panorâmica, uma sala de descanso, sauna e um retrofit na piscina. Vamos aguardar para conferir como vai ficar.
Logo acima, no mezanino, o espaço para eventos.
A mesinha já está montada para o coffee break do dia
 
 Bolachinhas e manteiga esperam pelo pãozinho. Do outro lado, água e xícaras de café.
Esta era a única sala livre, a Perdizes
Mas logo, logo começa mais uma reunião
 
A sala já está montada
Acomodações
Os apartamentos do empreendimento funcionam tanto para os hóspedes tradicionais quanto para quem precisa ficar por um período mais longo. Com 29m², as UHs possuem facilidades como uma mini-cozinha equipada com microondas, uma salinha de TV, armário grande, com ferro e tábua de passar roupa, secador de cabelo e acesso à internet.
Este é o nosso quarto
Vista geral do apartamento. A televisão é giratória, e pode ser vista tanto da cama quanto da pequena sala, do lado oposto
 
Detalhes da mesa: bloco, caneta, telefone, gavetas e prateleiras facilitam o trabalho. Quando bater uma fome, consulte o cardápio do room service
Oposta à cama, uma salinha de estar
Dá até para tomar um solzinho pela manhã
Quando as portas estão fechadas, a mini-cozinha parece um armário
Quem precisar pode usar o microondas...
... ou simplesmente aproveitar o frigobar
Ah, a cama...
Na cabeceira, os chocolates dão boas-vindas
O armário tem as portas espelhadas, e dentro, tábua e ferro de passar roupas
Além do secador, que agrada o público feminino, os amenities vêm em uma simpática necessáire
Os produtos já fora da embalagem
Gastronomia
O restaurante do Transamérica Executive Perdizes é um caso à parte - literalmente. Ele é uma filial do restaurante Don Carlini, instalado na Mooca (há também outra filial, na Vila Madalena). Ele funciona até a 1h da manhã nos finais de semana, e recebe tanto os hóspedes do hotel quanto o público do bairro, e até quem vem de fora e busca uma opção bacana para o jantar, além de grupos e eventos. A especialidade da casa, como o nome indica, é a comida italiana. Serve massas e molhos artesanais, produzidos na matriz.
O restaurante tem uma entrada dentro do hotel, e uma na rua
É possível sentar no bar e observar o movimento da rua enquanto bebe um drink
Se você almoçar por lá, pode sentar neste pátio no fundo do restaurante para fazer "uma horinha"
A preparação para o café da manhã começa cedo
Uma grande variedade de pães
Incluindo o tradicional pão francês
Bolo mesclado, hummmm
Leite para quem gosta de leite
Suco para quem gosta de suco
Ou então, iogurte
Frutas misturadas ou separadas
Ovos e bacon para quem quer um café da manhã mais reforçado
Experimente os mini-crepes...
...e escolha o acompanhamento.
Montagem das mesas para receber um grupo de evento
A mesa caprichada
Menu de hoje: feijoada de um lado
 Saladas variadas
E as tradicionais massas!
São tantas as opções que quase não cabe em uma foto só
Para acompanhar, calabresa, alho e alcaparras são apenas algumas das opções
E os diferentes tipos de molho: tomate fresco, molho vermelho tradicional e bolonhesa. O molho branco não saiu na foto, mas também estava lá.
A feijoada é servida em cumbucas de barro, e separada entre feijão preto e as carnes
Laranja fresquinha para acompanhar
Este nhoque de mandioquinha é recomendação da Denise. Experimentamos também um pedacinho de carne seca, para não fazer desfeita à feijoada
Não acabou ainda, tem a sobremesa. Banana com canela e doce de abóbora
E um mousse de chocolate
O jantar é servido à la carte. Este é só o couvert...
Uma bruschetta de entrada
E um risoto de carne seca de fazer inveja a minha nonna
Perto do que?
Entre as avenidas Pacaembu e Sumaré, na cidade de São Paulo, está o bairro de Perdizes. E se o nome não lhe é familiar, o que existe no bairro com certeza você já ouviu falar. Os shoppings West Plaza e Bourbon Pompeia, com o Teatro Bradesco, o Memorial da América Latina, o Parque da Água Branca, o Sesc Pompeia, e o Tuca, teatro da PUC-SP. Sem contar o Palestra Itália, estádio do Palmeiras, e o Estádio Municipal do Pacaembu. Do Transamérica Executive Perdizes, chega-se tranquilamente a esses lugares, sem contar que o acesso à Marginal Tietê e a locais como o Anhembi e o Expo Center Norte também é fácil.
O teatro da PUC fica a um quarteirão do hotel - não precisa nem tirar o carro da garagem
(foto: skycrapercity.com)
O Shopping Bourbon Pompeia, na Av. Francisco Matarazzo
(foto: alphalazer.blogspot.com)
Logo ao lado, o Palestra Itália
(foto: palmeiras.com.br)
E também próximo, o Sesc Pompeia
(foto: pt.urbarama.com)
No sentido oposto, o Estádio Municipal do Pacaembu
(foto: imprensa.spturis.com/Jefferson Pancieri)
 
A vista de cima do hotel. De um lado, a Avenida Pacaembu, junto com o estádio
Já olhando para a Avenida Sumaré, vemos toda a PUC-SP. Pena que São Pedro não nos deu um tempo melhor para as fotos...
Serviço
Transamérica Executive Perdizes Rua Monte Alegre, 835 - Perdizes São Paulo - SP 11 3866-1250 www.transamericagroup.com.br

Comentários