Turismo nos Lençóis Maranhenses receberá incentivos de instituto para conservação ambiental

Lençóis Maranhenses, um dos atrativos do Maranhão que depende de um desenvolvimento sustentável
Lençóis Maranhenses 
(fotos: arquivo HN / Dênis Matos)

Visando garantir o desenvolvimento sustentável do ecoturismo e do turismo de aventura no Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, o governo do Estado irá firmar um termo de reciprocidade com o ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade), uma autarquia vinculada ao Ministério do Meio Ambiente. O assunto foi discutido durante um encontro entre Delma Andrade, secretária de Estado do Turismo, com Roberto Vizentin, presidente do ICMBio. A reunião teve como tema principal o turismo na região.

Segundo a secretária, o desenvolvimento turístico é constante e, para isso, a diversificação dos atrativos garante a sustentabilidade das áreas preservadas. “O objetivo é aumentar a presença e as iniciativas com ações coordenadas entre os dois órgãos no estado”, explicou a secretária de Estado do Turismo.

Entre as ações emergenciais está uma nova capacitação para os profissionais de turismo que trabalham na região. Também foi definida a retomada das iniciativas para a construção do Centro de Atendimento ao Turista no município de Barreirinhas que vai reunir todos os órgãos envolvidos com o setor.

Segundo o presidente do ICMBio, o momento é oportuno para retomar ações já iniciadas e buscar uma nova atuação. “A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, elegeu os Lençóis Maranhenses para ser tido como modelo para a gestão sustentável, sendo assim, precisamos reforçar nossas iniciativas”, declarou.

Serviço
www.ma.gov.br

Comentários