Vila Galé Eco Resort (PE): hospedagem com toque luso-brasileiro

Vista aérea do Vila Galé Eco Resort do Cabo (foto: vilagale.com.br)
Assim que saímos do avião ao desembarcarmos no Aeroporto Internacional de Guararapes, em Recife, nos deparamos com o sol e o já esperado calor nordestino. A promessa era um final de semana quente, o qual seria muito bem-vindo após uma temporada - que ainda persiste - de tempo nublado e tempestades na capital paulista.
Após um trajeto de aproximadamente 45 minutos, chegamos ao município de Cabo de Santo Agostinho, que, além do clima peculiar do litoral pernambucano, nos apresenta uma diversidade cultural extremamente rica, principalmente influenciada por indígenas e africanos.Pesquisas de historiadores afirmam que o município foi o primeiro destino brasileiro em que os europeus pisaram, mais precisamente um navegador espanhol. Contudo, quem apostou no desenvolvimento do local foram os portugueses, algo que coincidentemente se repete agora, quando a rede lusitana Vila Galé assume a administração do Eco Resort do Cabo. "Estamos muito felizes por ter um empreendimento nesta localização extraordinária, que, além de oferecer tranquilidade aos turistas, está cercada pela beleza natural dos manguezais", afirma Jorge Rebelo, presidente do Conselho Administrativo da Vila Galé. O empreendimento já foi administrado pelos grupos Posadas e Blue Tree, porém, segundo Guilherme Lacerda, presidente da Fundação dos Economiários Federais (Funcef), proprietária do resort, a Vila Galé tem o perfil ideal para incrementar os resultados do meio de hospedagem. "Agora acertamos na escolha e temos certeza que teremos sucesso", declara ele. "A Vila Galé já demonstrou que conhece o negócio hoteleiro, principalmente pelos resultados de seus empreendimentos no Brasil", justifica. Após ouvir as declarações otimistas de seus mandatários, nos resta apenas entrar no clima luso-brasileiro do resort, que mescla o melhor da cultura tupiniquim com os standards de serviços da rede portuguesa. Por Fernando Chirotto*
 
Fachada do resort (fotos: Fernando Chirotto) No detalhe, a arte nas janelas Em nossa chegada, fomos recebidos por dançarinos de frevo, ritmo típico pernambucano Apesar de ser inaugurado oficialmente no dia 28 de novembro, o empreendimento já opera com a bandeira deste setembro Quem também nos recepcionou foi Jorge Rebelo, presidente do Conselho Administrativo da rede Vista do lobby durante o dia À noite, a luz do espaço fica por conta das luminárias. Destaque para a altura do pé direito À esquerda está a recepção, decorada com este belo arranjo de flores Já ao olharmos para a direita, avistamos o lobby bar... ...que oferece um amplo balcão... ...no qual estão expostos vinhos e azeites portugueses... ...e também mini-esculturas pernambucanas
Localizado em uma área de 14 hectares, 3,2 destes de área construída -  respectivamente 140 mil m² e 32 mil m² -, a operação do empreendimento é comandada pelo português Simão Teixeira, que dispõe de uma equipe de 240 colaboradores. "O grande diferencial do local é sua beleza natural, composta pela paisagem e águas calmas. Trata-se de um empreendimento com o verdadeiro conceito de resort", afirma Teixeira.
Simão Teixeira, gerente geral do empreendimento No lobby também está o business center... ...que está próximo de uma vitrine com miniaturas
 
Em nosso tour pelo lobby, ficou claro o grande apelo cultural do empreendimento, que por meio de miniaturas, bonecos, roupas, quadros, painéis e até instrumentos proporciona aos hóspedes um contato direto com a cultura regional.
O espaço também conta com duas lojas Uma delas vende roupas e acessórios típicos...
  Bolsas, bonés, trajes de banhos e peças artesanais No destaque, as miniaturas que representam a cultura da mulher pernambucana
Vestidos, blusinhas e cangas completam as opções do estabelecimento Obras de arte decoram o lobby     Entre elas mosaicos, instrumentos e painéis
 
Hospedagem O empreendimento possui 300 UHs, sendo 118 apartamentos Standards - quatro para pessoas com deficiência - 172 Superiores, cinco suítes Júnior, quatro Executivas e uma  Presidencial.Atualmente as habitações são equipadas com ar-condicionado,  banheira, ducha, telefone, espelho de aumento, TV a cabo, cofre eletrônico, acesso à internet banda larga, fechadura eletrônica de  mini-bar. Contudo, Rebelo conta que R$ 7 milhões serão investidos nas adequações do resort ao padrão da rede, as quais devem ser concluídas até 2011. "As principais mudanças dos apartamentos podem ser vistas na implantação de uma decoração mais clean, cama king size e TVs de HD de 32", explica o presidente.
Nosso apartamento é o 329 Vista da acomodação atual Agora, o apartamento modelo com os padrões da rede Outro ângulo da acomodação atual... ...mesmo ângulo no apartamento modelo As mudanças também podem ser notadas na decoração. Na UH atual, o quadro possui cores mais vivas... ...enquanto no apartamento modelo são usados tons mais neutros Armário do apartamento atual... ...e do modelo, que difere do primeiro por contar com um frigobar No banheiro, a maior mudança notada... ...é no revestimento da parede... também vista na área da banheira... ...que no apartamento modelo possui um tom de madeira Ambos possuem amenities com o nome da rede Porém, o novo apartamento vai oferecer roupão e chinelos personalizados
 
Eventos Com capacidade total para 960 pessoas, o centro de convenções do empreendimento está dividido nas salas Águas Marinha 1 e 2 - juntas comportam 120 pessoas -, no Salão Esmeralda (com capacidade para 700 participantes em auditório), e nas salas de apoio Ametista, Ágata e Turmalina, cada uma com capacidade para 60 pessoas.
  Fachada do centro de convenções em dois ângulos
"Temos capacidade para receber diversos tipos de realizações, como reuniões corporativas, congressos e eventos sociais", conta Veridiana Prosini, gerente de Contas do resort.
  Salas Água Marinha 1 e 2 Outro espaço para eventos Salão Esmeralda
 
Gastronomia Na área gastronômica, a fusão entre Brasil e Portugal também é notada no restaurante Maracatu, que, além de contar com decoração e pratos típicos pernambucanos, também oferece cardápios temáticos da culinária internacional, sobretudo lusitanos. "Uma das adequações que já fizemos foi no Maracatu, que agora conta com show cooking e decoração com fotos de festivais pernambucanos", conta Rebelo.Outra opção é o Inevitável Sushi & Pasta Lounge - que ainda não estava em funcionamento durante nossa visita - o qual dispõe de um ambiente mais intimista. O estabelecimento funciona à noite, com serviço à la carte. Completam as opções gastronômicas o lobby bar, cuja especialidade são os coquetéis exclusivos; e o restaurante Águamar, à beira da piscina, que serve refeições rápidas, petiscos e coquetéis regionais. Para os mais baladeiros, há também o Bar Soul & Blues, um misto de bar e danceteria que conta com música ao vivo, DJ e mesas de sinuca.
No Maracatu, o café da manhã tem início com as boas-vindas da equipe de A&B  Uma grande variedade de frutas é oferecida Mais frutas e geleias... ...e o espaço com alimentos diet e light Destaque para diversidade de cores da salada de frutas   Muitos frios também compõem o leque de opções No destaque, algumas opções de bolos, entre eles o de Pé-de-Moleque (à direita), iguaria da festa junina pernambucana Torradas, croissants e pão de queijo Mesa de cereais O café também oferece pratos quentes típicos, como aipim e canjica À noite, o espaço ganha uma iluminação baixa para o jantar No detalhe, a decoração com retratos da cultura pernambucana Buffet de entradas... ...com diversas opções de saladas e também um chester Mais folhas e molhos de tempero Em meio ao buffet quente, esta ave esculpida na abóbora nos chama a atenção Entre as opções quentes estão a Batata doce salteada na manteiga, o Caldinho de Siri... ...Molho de catupiry com castanhas de Caju, Escondidinho de camarão gratinado... ...Costela suína ao forno caramelizada na rapadura... ...Dourado com molho de frutos do mar aromatizado na pimenta... ...e a Carne de Sol     Para a sobremesa, várias opções de tortas e doces No dia seguinte, o buffet de feijoada foi a pedida para o almoço...   ...que também ofereceu muitas opções de saladas Mais uma obra de arte feita com alimentos. Nesta, as frutas formam uma espécie de totem Para embalar o almoço tipicamente brasileiro, um show com o melhor do chorinho Para o jantar, os vinhos da Vinícola Casa de Santa Vitória, pertencente ao grupo Vila Galé Destaque para alguns rótulos, que nos foram apresentados durante uma degustação... ...que contou com mesa de frios e pães No detalhe, a matéria-prima da vinícola Também visitamos o restaurante Inevitável... Destaque para o arranjo na entrada do estabelecimento ...que oferece um ambiente mais intimista Vista do restaurante Águamar, que atende aos hóspedes na piscina Por fim, visitamos o Soul & Blues Balcão do bar... ...que oferece uma diversidade de bebidas No local, os hóspedes podem relaxar nestas poltronas... ...jogar sinuca... ...ou dançar ao som do DJ, que fica nesta cabine
Lazer A área de lazer do resort é composta por diversos atrativos, entre eles a piscina de 1 mil m, quatro quadras de tênis, duas quadras poliesportivas, campo de futebol society e duas quadras para a prática do vôlei e futebol de praia, além do kid's club Aldeia Nep.Outro detalhe é que espaço de lazer se estende à praia, o que possibilita ao resort oferecer passeios de buggy, lancha e catamarã - nome designado a uma embarcação com dois cascos. O passeio pelo mar permite ao hóspede vislumbrar a paisagem de uma ria - braço de mar que se mescla com a água doce -, além de avistar os manguezais e as ilhas que circundam a região, como a Tatuoca e do Francês.
Vista da piscina do resort... ...que ganha uma iluminação diferenciada à noite Uma das quadras de tênis Espaço para o vôlei de praia... ...e para o Beach Soccer   Quadra poliesportiva e campo de futebol society Vista da Aldeia Nep, espaço voltado às crianças   ...que conta com diversos brinquedos... ...e monitores do resort para entreter os pequenos Bicicletas para adultos e crianças também estão disponíveis Vista do heliponto, situado na área de lazer Vista da praia... ...na qual os hóspedes podem optar entre um passeio de buggy... ...lancha ou catamarã (ao fundo) Escolhemos o catamarã, no qual fomos acompanhados por Luciana Ramalho, coordenadora de Marketing Brasil da rede Em um momento do passeio, avistamos o resort Outro atrativo do trajeto é a vista dos manguezais
 
Ao olharmos para o horizonte, avistamos os arrecifes onde quebram as ondas
 
Bem-estar Após uma programação intensa de lazer, nada mais justo que um tempo para relaxar. Pensando na comodidade e excelência no tratamento aos hóspedes, uma das medidas da Vila Galé foi implantar o Satsanga Spa, cuja infraestrutura é inspirada em padrões asiáticos e europeus.
Entrada do Satsanga Spa, cujo nome significa "andar em boa companhia" na tradução livre
"Antes tínhamos um espaço o qual nem podíamos chamar de spa. Agora padronizamos o local para oferecer opções diversificadas de terapias", explica Rebelo.O local oferece oito salas de massagem, seis bangalôs, fitness center, área privativa externa com piscinas, salão de beleza e diversos produtos de marcas renomadas, como a francesa L'Occitane. "Posso dizer que o spa já opera com 90% de nosso padrão, que é focado em terapias de relaxamento", conta Marcus Ginjas, vice-presidente de Operações da Spa Operadora Internacional, empresa responsável pelo estabelecimento. "Uma das mudanças que pretendemos fazer é isolar mais a vegetação da área privativa, na qual faremos rituais como o foot pound, que consiste em uma massagem nos pés feita com materlinho de bambu", conta Ginjas.
  Recepção do spa em dois tempos Prateleira com os produtos usados nas terapias... ...entre eles óleos aromáticos, essências e cremes No destaque, os produtos da marca francesa L'Occitane Uma das salas de massagem. Nela, experimentamos - e recomendamos - a Satsanga, que mescla várias técnicas orientais No detalhe da decoração, artefatos orientais O espaço também conta com um fitness center ...equipado com aparelhos de musculação e de exercícios aeróbicos Vista do Salão de beleza, localizado no andar superior do spa Vamos conferir a área externa...   ...onde estão os bangalôs, muito procurados para terapias em casal Do outro lado, temos uma área de descanso... ...e um ofurô Uma pausa para contemplar a natureza do local Na sequência, passamos pela piscina rasa - usada em terapias para os pés
Por fim, avistamos a piscina privativa... ...onde é possível o contato direto com a natureza
Sustentabilidade Com o conceito sustentável presente até mesmo em seu nome, o Eco Resort tem uma política de gestão ambiental rigorosa. "Mais de 95% dos resíduos do resort são reaproveitados pelo processo de compostagem", afirma Kleber Vilarim, gerente de Patrimônio e responsável pela gestão ambiental do empreendimento."Além disso, adotamos práticas como o monitoramento do uso da água, a qual é aquecida por energia solar", completa ele. Segundo Simão Teixeira, gerente geral, a gestão ambiental implica em uma economia de 15% nos gastos do empreendimento. "Muitos falam que as práticas sustentáveis representam custos, quando na verdade nos ajudam a economizar. O salário dos jardineiros responsáveis, por exemplo, é pago por esta economia que conseguimos com o reaproveitamento", revela.
Vista da área de compostagem...
...que também abriga um viveiro de plantas
Em meio às plantações
...encontramos flores desabrochadas
Check-out Ao final de nosso tour pelo Eco Resort do Cabo, ainda sobrava algum tempo antes da hora do check-out. Aproveitamos para dar uma volta pela praia quase privativa do empreendimento, que no dado momento estava praticamente deserta.
Vista do entardecer na praia do resort
O fim do In Loco Especial coincide com o final de tarde no litoral pernambucano, onde sol e lua se encontram para nos proporcionar a vista abaixo.
O encontro entre o sol e a lua encerra nosso tour fotográfico
Serviço Vila Galé Eco Resort do Cabo Av. Beira Mar, 750  - Suape - Cabo de Santo Agostinho (PE) 81 3527- 7000 www.vilagale.pt
*A reportagem do Hôtelier News viajou a Cabo de Santo Agostinho a convite do Vila Galé.
 

Comentários