Villa25 Hostel & Suítes cresce 17% em seu segundo ano de funcionamento

Villa25- crescimento 2018Hóspedes podem optar por suítes, cabines ou cápsulas individuais

Inaugurado em outubro de 2016, o carioca Villa25 Hostel & Suites encerrou seu segundo ano de operação no azul. Hostel com estrutura de hotel, a unidade viu a receita crescer 17% no ano passado frente a 2017. Localizado no bairro de Laranjeiras, no Rio de Janeiro, a propriedade recebe hóspedes do Brasil e do mundo.

Rodrigo Alvite, dono do meio de hospedagem, conta que o público-alvo é formado por jovens de 30 a 35 anos, normalmente casais. Em sua maioria, são pessoas de classe média vindos de São Paulo e outras regiões. Já a divisão entre os mercados doméstico e internacional, no entanto, é bem equilibrada, informa o empresário. 

Em pleno funcionamento, o hostel boutique opera em um casarão antigo. “O local escolheu o negócio, e não o contrário”, brinca Alvite. “Nesse casarão de 1860 antes funcionava uma escola. Automaticamente veio a ideia de montar um negócio que oferecesse esse mix: um hostel com cara de hotel”, completa.

Com diferentes opções de acomodações, o hostel disponibiliza cabines, mais conhecidas como “cápsulas” individuais. Há ainda outras habitações que comportam de seis a 12 pessoas. Os quartos podem ser masculinos, femininos ou mistos. Apesar de compartilhadas, os leitos possuem luz de leitura, armário, cortina e tomadas individuais. 

Acoplado ao casarão, está uma construção mais moderna. Lá, os hóspedes que preferirem mais privacidade podem se acomodar nas suítes. Todos os quartos são privados com banheiro e abrigam até três pessoas. O valor das diárias varia entre R$ 70 e R$ 198.

Villa25: Restobar

A gastronomia é um dos diferenciais do Villa25. Com menu assinado pelos chefs Marco Espinoza e Esteban Guilhermo, muitos pratos possuem toques peruanos. “Somos muito fortes no quesito culinária. Nosso cardápio oferece uma gastronomia contemporânea e despojada”, pontua Alvite. 

Aberto aos hóspedes e clientes que transitam pelo bairro de Laranjeiras, o Restobar é um dos principais geradores de receita da unidade. “Hoje, o restaurante representa cerca de 80% do faturamento”, revela o dono do Villa25. O menu também conta com opções de hambúrgueres e uma carta de drinks da casa.

Para o Carnaval, o Villa25 espera uma ocupação de 75%. O resultado está um pouco abaixo das projeções do SindHotéis Rio. A entidade estima que o indicador baterá em 95% durante o período da folia na capital fluminense.

(*) Crédito das fotos: Divulgação/Villa25 Hostel & Suítes

Comentários